sudeste asiático


Sugestões de roteiros pelo Sudeste Asiático (de duas semanas a dois meses)

Montar roteiros pelo Sudeste Asiático pode ser desafiador: há mil possibilidades.

Veja agora algumas sugestões de roteiros pelo Sudeste Asiático pra quem tem de duas semanas a dois meses de viagem. Claro que você pode fazer substituições de acordo com as suas preferência (mais praia, mais ecoturismo, mais cidade); aqui fiz combinações que dão um panorama geral da região.

ROTEIROS PELO SUDESTE ASIÁTICO:

CM explica: 1 dia quer dizer um dia INTEIRO, ou seja, sem contar deslocamentos.

*Os roteiros vêm com sugestões de praias da Tailândia pra visitar, mas você também pode ver o nosso guia completo de praias da Tailândia pra decidir qual é a sua. Abaixo estão alguns links de posts do blog sobre o Sudeste Asiático:

LEIA TAMBÉM: Quando custa viajar no Sudeste Asiático: Tailândia, Laos, Camboja e Vietnã
Como é a comida na Tailândia, Laos, Camboja e Vietnã?
O que visitar no Camboja: lugares pra montar o seu roteiro
O que visitar no Laos: as top 6 atrações do país
O que fazer em Bangkok: 21 programas imperdíveis
Melhor época para ir à Tailândia e outros países do Sudeste Asiático, mês a mês
Como montar um roteiro pelo Vietnã: os melhores destinos
Guia completo de Luang Prabang, a cidade mais linda do Laos

Tailândia, Laos, Camboja e Vietnã:

Duas semanas:

Bangkok (3 dias) – Chiang Mai (3 dias, sendo um dia pra bate-volta a Chiang Rai ou visita a um santuário de elefantes) – Siem Reap (3 dias) – Railay Beach (2 dias) – Koh Phi Phi (3 dias)

Deslocamentos:

Entre Bangkok e Chiang Mai: Avião com a Thai Lion Air (desde US$ 20, 1h30 de viagem) ou ônibus (US$ 15, 9h de viagem).
Entre Chiang Mai e Siem Reap: Avião com a Air Asia (a partir de US$ 100, 4h com conexão em Bangkok).
Entre Siem Reap e Railay Beach: Avião com a Air Asia até Krabi a partir de US$ 120, e aí barco (US$ 15) a Railay.
Entre Railay e Koh Phi Phi: Balsa (US$ 13).

koh-phi-phi

ROTEIROS PELO SUDESTE ASIÁTICO:

Três semanas:

Bangkok (3 dias) – Chiang Mai (4 dias, sendo um dia pra bate-volta a Chiang Rai e outro para visita a um santuário de elefantes) – Luang Prabang (2 dias) – Hanoi (2 dias) – Hoi An (2 dias) – Siem Reap (4 dias) – Koh Phi Phi (3 dias)

Deslocamentos:

Entre Bangkok e Chiang Mai: Avião com a Thai Lion Air (desde US$ 20, 1h30 de viagem) ou ônibus (US$ 15, 9h de viagem).
Entre Chiang Mai e Luang Prabang: Barco, avião ou ônibus – veja como ir de Chiang Mai a Luang Prabang neste post.
Entre Luang Prabang e Hanoi: Avião com a Laos Airlines ou a Vietnam Airlines, desde US$ 90. Não vá por terra: os ônibus que fazem o trajeto são conhecidos como “ônibus da morte” pelas condições ruins das estradas e a viagem que leva 24h.
Entre Hanoi e Hoi An: Avião com a VietJet Air a partir de US$ 60 até o aeroporto de Da Nang – de lá é preciso pegar um transfer de uma hora (cerca de US$ 4) até Hoi An. Por terra é preciso pegar o ônibus noturno (cerca de US$ 15, 12h de viagem) até Hue e mais um até Hoi An. Se fizer isso, melhor parar pra conhecer Hue por um dia e seguir a Hoi An no seguinte.
Entre Hoi An e Siem Reap: Avião com a Silk Air a partir de US$ 150 (saindo do aeroporto de Da Nang).
Entre Siem Reap e Koh Phi Phi: Avião com a Air Asia até Krabi a partir de US$ 105. De lá pegue um barco (US$ 10).

bangkok-templo-budista

ROTEIROS PELO SUDESTE ASIÁTICO:

Um mês:

Aqui o roteiro é mais maleável e você pode fazer mais deslocamentos de ônibus pra baratear a viagem. Eu sugiro um tour por Ha Long Bay, no Vietnã, aumentar o tempo nas praias da Tailândia e fazer uma parada em Sukhothai.

Bangkok (4 dias, sendo um dia de bate-volta a Ayutthaya) – Sukhothai (1 dia) – Chiang Mai (4 dias, sendo um dia pra bate-volta a Chiang Rai e outro pra visita a um santuário de elefantes) – Luang Prabang (2 dias) – Hanoi (2 dias) – Ha Long Bay (4 dias) – Hoi An (2 dias) – Siem Reap (4 dias) – Koh Phangan ou Koh Phi Phi (3 dias) – Railay Beach (3 dias)

Entre Bangkok e Sukhothai: Avião com a Bangkok Airways (US$ 100, 1h15 de viagem) ou ônibus (US$ 8, 6h de viagem).
Entre Suhkothai e Chiang Mai: De ônibus (a partir de US$ 6, 5h de viagem).
Entre Chiang Mai e Luang Prabang: Barco, avião ou ônibus – veja como ir de Chiang Mai a Luang Prabang nesse post
Entre Luang Prabang e Hanoi: Avião com a Laos Airlines ou a Vietnam Airlines, desde US$ 90. Não vá por terra: os ônibus que fazem esse trajeto são conhecidos com “ônibus da morte”, pelas condições ruins das estradas e a viagem que leva 24h.
Entre Hanoi e Ha Long Bay: Compre um tour que já inclui transporte até o píer de duas a três noites na baía. Se quiser fazer um esquema mais barato, pegue um ônibus até a ilha de Cat Ba e faça um tour de barco de lá. Compre nas agências de Hanoi.
Entre Hanoi e Hoi An: Avião com a VietJet Air desde US$ 60 até o aeroporto de Da Nang – lá é preciso pegar transfer de uma hora (US$ 4) até Hoi An. Por terra, é preciso pegar o ônibus noturno (US$ 15, 12h de viagem) com parada em Hue e trocar de ônibus pra ir até Hoi An. Se fizer isso, melhor parar pra conhecer Hue por um dia e seguir a Hoi An no seguinte.
Entre Hoi An e Siem Reap: Avião com a Silk Air a partir de US$ 150 (saindo do aeroporto de Da Nang).
Entre Siem Reap e Koh Phangan: De avião até Surat Thani com a Air Asia a partir US$ 92 (com conexão em Bangkok). De Surat Thani é preciso pegar um transfer ou ônibus local até o píer de Donsak e aí uma balsa a Koh Phangan.
Entre Koh Phangan e Koh Phi Phi: Combo de agência: balsa a Surat Thani + van até Krabi + balsa a Railay Beach (US$ 28).

bali, indonésia

ROTEIROS PELO SUDESTE ASIÁTICO:

De seis semanas a dois meses:

Use esse roteiro de base: Bangkok (3 dias) – Sukhothai (1 dia) – Chiang Mai (4 dias, sendo um dia pra bate-volta a Chiang Rai e outro pra visita a um santuário de elefantes) – Luang Prabang (2 dias) – Hanoi (2 dias) – Ha Long Bay (3 dias) – Hoi An (2 dias) – Siem Reap (4 dias) – Koh Phangan (3 dias) – Railay Beach (3 dias)

E aí adicione o que você tem mais interesse: Quer mais aventura e ecoturismo? Veja Vang Vieng (2 ou 3 dias) ou Thakhek (4 dias), no Laos (veja aqui o que visitar no Laos) ou Ha Giang e o Parque Nacional Phong Nha-Kẻ Bàng, no Vietnã (veja aqui o que visitar no Vietnã). Quer mais praias? Adicione Koh Lanta (2 dias), Koh Phi Phi (3 dias) ou Koh Lipe (3 dias) (veja o guia de ilhas da Tailândia). Jovens mochileiros vão curtir Koh Rong, no Camboja (2 a 3 dias). Mais cidades, com história e cultura? Adicione Ho Chi Minh City (2 dias), no Vietnã, e Phnom Penh, no Camboja (2 dias).

Com mais tempo dá pra fazer tudo de ônibus com exceção do trecho Luang Prabang ou Vientiane e Hanoi, sempre melhor de avião. Outro trecho que pode fazer a pena de avião é entre Siem Reap e Surat Thani (pra ir às ilhas da Costa do Golfo da Tailândia), com a Air Asia a partir de US$ 92. De ônibus são 9h de viagem (a partir de US$ 25) de Siem Reap a Bangkok (e precisa atravessar a chatérrima fronteira terrestre que pode demorar horas). De Bangkok a Surat Thani são cerca de 12h de trem ou ônibus a partir de US$ 12 – também dá pra fazer só esse trecho de avião desde US$ 17 com a Thai Lion Air.

Com Myanmar e Indonésia

Duas semanas

TAILÂNDIA + CAMBOJA: Bangkok (3 dias), voo com a Thai Lion Air a Chiang Mai (3 dias), voo com a Air Asia (airasia.com) a Siem Reap (3 dias), voo com a Air Asia a Krabi + balsa a Koh Phi Phi (3 dias), balsa a Railay Beach (2 dias).

TAILÂNDIA + MYANMAR: Bangkok (3 dias), voo com a Thai Lion Air a Chiang Mai (3 dias), voo com a Air Asia a Krabi e balsa a Koh Phi Phi (3 dias), voo com a Air Asia de Krabi a Yangon (2 dias) (conexão em Bangkok), voo com a Air KBZ a Bagan (Aeroporto de Nyaung-u) (3 dias).

Três semanas

TAILÂNDIA + CAMBOJA + INDONÉSIA: Bangkok (3 dias), voo com a Thai Lion Air a Chiang Mai (4 dias, sendo um para bate-volta a Chiang Rai), voo com a Air Asia a Siem Reap (4 dias), voo com a Air Asia a Krabi + barco a Koh Phi Phi (3 dias), voo com a Tiger Air (conexão em Cingapura) a Bali (6 dias).

Um mês

TAILÂNDIA + MYANMAR + VIETNÃ: Bangkok (3 dias), voo com a Vietjet Air a Hanoi (2 dias), tour a Ha Long Bay (4 dias), ônibus ao Parque Phong Nha-Kẻ Bàng (3 dias), ônibus a Hoi An (2 dias), voo (Aeroporto de Da Nang) com a Vietjet Air a Ho Chi Minh City (2 dias), voo com a Air Asia a Krabi + barco a Koh Phi Phi (4 dias), voo com a Air Asia de Krabi a Yangon (2 dias) (conexão em Bangkok), voo com a Air KBZ a Mandalay (2 dias), barco a Bagan (3 dias), ônibus a Inle Lake (2 dias).

TAILÂNDIA + LAOS + CAMBOJA + INDONÉSIA: Bangkok (4 dias, sendo um para bate-volta a Ayutthaya), voo com a Thai Lion Air a Chiang Mai (3 dias), barco ou voo com a Lao Airlines a Luang Prabang (3 dias), ônibus a Viantiane (1 dia), ônibus a Takhek (3 dias), ônibus a Pakse (2 dias), voo com a Lao Airlines a Siem Reap (4 dias), ônibus a Phnom Penh (2 dias), voo com a Air Asia (conexão em Kuala Lumpur) a Bali (7 dias).

angkor-camboja

ROTEIROS PELO SUDESTE ASIÁTICO:
SOBRE OS DESLOCAMENTOS

Avião: Voos internos costumam custar entre US$ 20 e US$ 150. Procure no Skyscanner pra ver que companhias fazem o trecho que você deseja – na maioria das cidades turísticas há aeroportos. As mais comuns são a Air Asia, a Bangkok Airways, a Laos Airlines, Vietnam Airlines, a Thai Lion Air e a Nok Air, Thai Smile, VietJet Air. Todas têm um serviço bastante satisfatório e não vão ser diferentes das companhias de baixo custo que você está acostumado na América do Sul ou na Europa; o fluxo de turistas lá é intenso. Vá sem medo.

Ônibus: É o modo mais fácil, barato e eficiente de se deslocar. Pra deslocamentos longos, pergunte sempre pelos “night buses”, normalmente com banco que vira cama (com variações), comumente operado por empresa privadas. Por isso, com exceção de Bangokok, você quase nunca precisa ir até a rodoviária, é só comprar o transporte um dia antes (ou horas antes) no seu hotel ou agência (em toda cidade turística tem várias pelas ruas). Quando estiver em dúvida em relação ao avião, lembre-se que os ônibus normalmente já te deixam no centro da cidade, e aeroportos costumam ser mais afastados, o que vai implicar com mais gastos com traslados, principalmente nas cidades maiores.

Trem: A Tailândia tem uma extensa malha ferroviária. Eu particularmente acho que só vale a pena para um bate-volta em Ayutthaya partir de Bangkok e de Bangkok a Surat Thai ou Krabi (pra visitar as ilhas, no vagão-dormitório). As classes mais baixas são extremamente desconfortáveis e barulhentas e só são úteis para deslocamentos curtos. Prefira os ônibus.

ROTEIROS PELO SUDESTE ASIÁTICO:
PRA NÃO CAIR EM ROUBADAS COM O TRANSPORTE

NÃO se preocupe em reservar transportes terrestres aqui do Brasil, tudo é facilmente organizado lá com um dia de antecedência. Mesmo os preços dos voos não oscilam muito (eu cheguei a comprar um voo um dia antes da viagem pelo mesmo preço que estava um mês antes).

– Uma vez lá, faça uma pesquisa mínima antes de comprar os transportes terrestres. Nos hotéis eles normalmente são mais caros; pode ter uma agência logo em frente vendendo o mesmo trajeto pela metade do preço no mesmo ônibus. Consulte pelo menos 3 antes de fechar. Passagens aéreas compre você mesmo pelo site das companhias com cartão de crédito: quanto menos intermediários nas compras, melhor. Os pacotes vendidos pelas agências normalmente já incluem táxi (quase sempre um tuk tuk) que te buscam no hotel e levam para o local da onde sai o ônibus.

– Entre as ilhas da Tailândia os deslocamentos são longos e cansativos, por isso não tente espremer muitas em um curto período de tempo. Agências vendem combos que já incluem transporte, balsa, táxi até o píer, etc.

A autora

Betina Neves

Betina Neves

Editora do Carpe Mundi, viaja pra trabalhar e trabalha pra viajar. É jornalista freelancer e já escreveu pra Viagem e Turismo, ELLE, Claudia, Vamos LATAM, Superinteressante, Cosmopolitan, VEJA São Paulo, Folha de S. Paulo, entre outras publicações.


Instagram

Há 60 comentários para “Sugestões de roteiros pelo Sudeste Asiático (de duas semanas a dois meses)

  1. Olá, Betina
    Irei para o Sudeste asiático no dia 12/02/2017 e ficarei até dia 09/03. O roteiro que estávamos pensando seria Tailândia, Vietnã, Camboja e Indonésia. Você acha que vale a pena ir para a Indonésia neste roteiro? Acha que fica muito apertado de tempo? Não temos muito interesse no Laos.
    Adoro o blog e as dicas!
    Beijos!

  2. Oi, Betina, tudo bem? Aaaaiiii… to meio perdida… preciso de ajuda…. viajo dia 29.01 para BKK, preciso estar em HCM dia 20.02, de onde parto dia 26 direto para BKK-GRU. Fiz o seguinte roteiro…4 dias em BKK, 2 dias Chiang Mai, bate volta Chiang Rai, Siem Reap 3 dias, no 4o dia voo para Krabi, de Krabi para Railay. 1 dia Railay. 3 dias em Koh Phi Phi, 1 dia Koh Tao, 2 dias Puket, Pucket BKK – 6 dias HCM -ultimo dia HCM-BKK-GRU. O que vc acha??? Vou com minha irmã… duas sessentonas pelo mundo….

    1. Oi Janete! Maravilha, tá ótimo! Eu tiraria Koh Tao, vai dar muito trabalho pra chegar e não vale a pena só pra 1 dia e tá meio fora de mão pelo sei roteiro.

  3. Oi Betina! Andei lendo que para o Vietnã é preciso um visto p entrar, na Indonésia e Camboja, é preciso tbm?
    to pensando em fazer essa tua sugestão de roteiro: Três semanas

    TAILÂNDIA + CAMBOJA + INDONÉSIA: Bangkok (3 dias), voo com a Thai Lion Air a Chiang Mai (4 dias, sendo um para bate-volta a Chiang Rai), voo com a Air Asia a Siem Reap (4 dias), voo com a Air Asia a Krabi + barco a Koh Phi Phi (3 dias), voo com a Tiger Air (conexão em Cingapura) a Bali (6 dias).

    Vou em Maio de 2017, é uma boa época???

  4. Bom dia!
    Encontrei o blog por acaso e estou amando (e seguindo freneticamente).
    Reparei que você não mencionou mto sobre Myanmar.
    Por qual motivo? Você não chegou a ir ou achou dispensável?
    Queria fazer laos-camboja-vietna-myanmar por 2 semanas…. Deixar a Tailandia pra outra ocasião…
    O que acha? Esqueço Myanmar? Por acaso tem algum post sobre la e eu que não encontrei?
    Abraços e sucesso!

    1. Oi Renata tudo bem? Então, eu não fui pra Myanmar, por isso não falo tanto de lá :/ Eu acho incrível, lá é legal porque o turismo ainda é bem incipiente então tem bastante coisa intocada. Vai com fé!

  5. Ola Betina.. sensacional seu blog.. parabéns.. estamos indo agora pra região em Novembro..vamos pegar aquele festival em Chiang Mai das lanternas 🙂 .. somos um casal que nao gosta de ficar muito tempo viajando (acabamos no fim meio que cansando) entao temos feito viagens ai de duas semanas … vi sua sugestão de duas semanas , que na verdade da um pouquinho mais.. achei otimo.. mas tenho algumas duvidas… voce disse que considera os dias no roteiro dias inteiros.. entao chang mai por exemplo vc considera 4 noites? o dia que chega de bangkok, mais 3 dias sendo um deles para chang rai ou elefantes? o mesmo vale para Siem Reap (um dia chega + 3 dias, portanto 4 noites) e assim por diante? outra pergunta , se fosse ainda cortar um pouco ai dessa viagem.. vi que voce colocou na sugestao de 3 semanas Phi Phi mas nao colocou Railay Beach.. se fosse portanto escolher apenas uma base na praia vc escolheria Phi Phi? digo isso pq se acharmos muitos dias e tivermos que cortar estavamos na duvida.. cortamos Siem Reap e ficamos so na Tailandia (e um dia quem sabe fazemos os outros) ou cortamos uma praia e incluimos ai Siem Reap.. por fim, quando vc coloca Siem Reap é pq na sua opiniao se for pra fazer algo fora da Tailandia que seja la (ao inves de Laos ou Vietna por exemplo)? … muitas perguntas ne hehe.. obrigado!!

  6. Oi Betina! Parabéns pelo seu blog! Muito legal!
    Estou planejando viajar para p o Sudeste Asiático de 30/11 até 22/12.
    A ideia é visitar Vietnam, Laos, Camboja, Myanmar e Cingapura.
    Outra possibilidade é: Vietnam, Camboja, Malásia, Filipinas e Tailândia
    Ou um mix dos dois roteiros acima. O que vc sugere?
    Obrigada desde já!

    1. Oi Luciane tudo bem??
      Acho que são muitos países pra pouco tempo, talvez você devesse pensar em cortar algum. Myanmar merece pelo menos uma semana. Então talvez Myanmar, Camboja (só Siem Reap), Vietnã (ilha de Phu Quoc e Ho Chi Minh City) e Cingapura sejam uma boa opção.

  7. Betina, seu blog é muito bom!
    Estou começando a planejar nossa viagem para o sudeste asiático em 02/2017 e suas dicas estão ajudando muito.
    Como pretendemos ir a Camboja, Laos, Vietnam e Tailândia, essas sua opções de roteiro caíram como uma luva!!
    Obrigado

  8. Olá Betina,

    Em Abril de 2017 terei 30 dias de férias e gostaria de conhecer Indonésia, Cingapura, Malasia, Tailândia, Camboja, Vietnã e Myanmar. Considerando que não preciso conhecer todos os lugares tops, só os lugares mais tradicionais ou os melhores de cada país, você acha que é possível ou seria uma loucura?
    Qual sua sugestão?
    Obrigada!

    1. Oi Cintia tudo bem? Eu sempre sou a favor do menos é mais, acho que pular por sete países em um mês vai tornar suas férias muito cansativas e te deixar com a sensação de que não viu nada direito. Se eu fosse você escolheria no máximo 4 países 🙂

  9. Olá, Betina, parabéns pelo blog!! tem sido super útil nas nossas pesquisas !!
    Gostaria de sua opinião sobre nosso roteiro … estamos em dúvida quanto aos dias em cada lugar e se a logística está favorável..
    Serão 19 dias entre Tailândia, Vietnã e Camboja:
    10/fev GRU-BKK
    11/fev Chegada BKK
    12/fev Bkk
    13/fev Bkk
    14/fev BKK – Chiang Mai (vôo)
    15/fev Chiang Mai (Elephant nature park)
    16/fev Chiang Mai – Chiang Rai (templo branco, etc, voltando para dormir em chiang mai – há algum day tour q nos leve para visitar tribos locais sem ser aquela q explora as mulheres girafa? )
    17/fev Chiang Mai – Vietnan (Hanoi)
    18/fev Hanoi – dúvida se vale ir para Sapa ou Ha Giang, pois queremos ver os terraços de arroz ou Ho Chi Minh..
    19/fev Hanoi – Hao Long Bay – passeio com saída às 8h – dorme no barco
    20/fev Hao long Bay – Hanoi – vôo para Siem Reap
    21/fev Siem Reap (Angkor)
    22/fev Siem Reap (Angkor)
    23/fev Siem Reap – Phnom Penh (bate e volta) muito corrido?
    24/fev Siem Reap – Krabi – Phi Phi Island (muito apertado conciliar vôo e ferry?)
    25/fev Phi Phi Island
    26/fev Phi Phi Island
    27/fev Phi Phi Island – Krabi
    28/fev Krabi – BKK
    01/marSaída BKK-GRU

    Agradeceria demais se pudesse me dar uma opinião!!!
    Obrigada!!!

    1. Oi Fernanda tudo bem?

      – Em Chiang Rai dá uma olhada nos tours das agências Mirror Fondation e PDA Tours & Travel, que são socialmente responsáveis e levam pra fazer os “tribal trekkings”. Mas aí você vai ter que dormir em Chiang Rai.
      – Não tem como fazer bate-volta em Sapa ou Ha Giang, é muito longe. Fique em Hanoi mesmo.
      – Também não rola fazer bate-volta pra Phnom Penh, deixa pra próxima.
      – Se você conseguir um voo cedinho de Siem Reap pra Krabi pode dar pra fazer isso.
      – Dia 27 você pode ir de Phi Phi pra Krabi e de Krabi pra Bangkok, dá pra fazer no mesmo dia.

      1. Olá Betina, obrigada pela resposta ! Acabei incluindo 2 dias em Hoi an e tirando 1 de Bangkok – valeu mto a pena, pq amei a cidade !!
        Vamos pernoitar 1 noite em Phnom phen, e sair logo cedo para Krabi . Por enquanto td está ótimo! Se quiser mando o roteiro completo !
        Abraços

          1. Olá! Também gostei do roteiro. Poderiam me enviar, por favor? pretendo fazer parecido em novembro, mas tenho mais tempo,vou incluir o Laos. Obrigada!

    2. Oi Fernanda, pode me enviar seu roteiro, por favor!
      Ficarei o mesmo tempo que vc em dezembro, e estou na dúvida sobre o roteiro.

      Quero conhecer os mesmos lugares!

      Beijos!

  10. Excelente, blog! Está ajudando bastante na organização da minha viagem.

    Qual roteiro você sugeriria de 3 semanas para Tailândia. Camboja e Mianmar? Já comprei as passagens do Brasil, então chego por Bangkog e volto por Yangon?

    1. Oi Babi tudo bem? Sugiro 10 dias na Tailândia, 4 no Camboja (só Siem Reap) e 5 em Myanmar (só Yangon e Bagan). As passagens você comprou ida e volta por Bangkok? Não entendi

  11. Oi Betina, tudo bem? Parabéns pelo blog, bem clean e objetivo, muito bom.
    Gostaria de uma sugestão, teremos 23 dias inteiros com chegada e saída por Bangkok. Gostaria de conhecer as outras cidades da Tailandia, mas também incluir Laos, Camboja, Vietnam e Myanmar

  12. Olá Betina! Tudo bem?
    Minha viagem está praticamente toda sendo montada em cima dos seus roteiros e dicas, mas estou com um dilema. Não sei se Laos é um país tão interessante quanto Myanmar. Minha viagem são de exatos 25 dias e gostaria de conhecer a Tailandia, Vietnan, Camboja, Laos ou Myanmar. É muito coisa para pouco tempo?
    Abs.

  13. Oi Betina suas dicas são ótimas ! Minha pergunta é quase idêntica ao do Bruno acima. Chego em 17/4 em Bangkok e saio em 105 de lá. São 23 dias. Minha dúvida é se vou para o Mianmar ou para o Laos,…. aproveitando que vc não respondeu a ele e dando uma força pra nos responder ! Um abraço

  14. Confesso que fiquei muito fã do site! Estou planejando minha viagem pra Tailândia ano que vem e o site está sendo guia obrigatorio nas minhas pesquisas. Obrigado, Betina!

  15. Oi Betina,
    Primeiramente gostaria de elogiar o seu site. Ele é excelente e com informações muito preciosas. Gostaria de ir para a Thailandia, Camboja e Vietnã em 2018 e comecei a fazer o planejamento. Terei uns 25 dias e poderei tirar férias ou em abril ou maio. O que acha mais interessante ? Inicialmente pensava em fazer o roteiro por pacote devido a limitação da língua mas lendo o seu blog vi que é possível fazê-lo sem agência. Tenho domínio da língua inglesa e francesa. O que acha ? Será que a economia vale a pena ?
    E quanto ao roteiro o que me sugere ? Minha preocupação é evitar chuvas e tufões. Não sei se é possível incluir as praia da Thailandia também ou se acha que ficará muito corrido. Aguardo o seu feedback.
    Obrigado
    Flavio

  16. Oi Betina,

    Tenho uma outra pergunta. Se eu optar em fazer o roteiro que sugeriu de 3 semanas, qual seria a melhor época do ano para fazê-lo ?
    Você achou o Vietnã um “must go” ou ele poderia ser substituído? Acho o visto para lá um pouco caro e tenho uma amiga que deixou para tirar lá e teve alguns problemas. No Vietnã há templos fantásticos ?

    Mais uma vez parabéns pelo seu blog. Ele é precioso.

    Obrigado

    Flavio

  17. Boa tarde, parabéns pelo Blog Betina, ajuda muito a todos nós com a árdua tarefa de escolher o melhor na definição dos roteiros.
    Como já conheço a Thailandia, estou em duvida entre : Vietnã, Camboja, Laos e Myanmar. Pensei em tirar o Laos para não ficar tão corrido. Gostaria de sua opinião sobre as cidades a visitar no roteiro de 15 dias, que criei abaixo:
    A ideia é ir Siem Reap – Laos , Koh Rong – Camoja , Da Nang e Hoi An , Hanoi e Ha Long Bay.
    Tb ouvi falar super bem de Ninh Bình e suas dicas de Parque Phong Nha-Kẻ Bàng.
    Quais cidades tiraria ou incluiria neste roteiro ? Quais cidades indicaria conhecer em Myanmar ?
    Muito obrigado e boas viagens !

  18. Bom dia, Bruna.
    Tudo bem?

    Ouvi dizer que as passagens internacionais ficam mais baratas se comprada no Aeroporto, direto do balcão.

    É verdade?

    Obrigada,
    Isabela

    1. Oi Isabela! Olha, não sei te dizer, eu não fiz isso, e dei uma pesquisada mas não achei referências a isso. Acho bem difícil que seja verdade, em lugar nenhum no mundo essa lógica funciona rs Eu sempre olho no Skyscanner.com pra simular preços de passagens e compro direto no site das companhias

  19. Boa noite Betina, parabéns pelas dica, sensacional…
    Então gostaríamos de dicas de onde passar o ano novo, estamos pensando em chegar dia 14 de dezembro Bangkok…estou vendo seu roteiro de duas a três semanas, oque vc acha que encaixa melhor para a virada de ano…
    Desde já obrigado pelas dicas!

    1. Oi Paulo! Se você quiser festas pode ir pra Chiang Mai ou praias como Railay e Phi Phi (mas elas ficam bem cheias). Se quiser uma ilha mais vazia (mas sem muita coisa), pesquise sobre Koh Kood. Só evite as ilhas do lado da costa do Golfo, tipo Tao e Phangan, onde pode chover no fim do ano.

  20. Olá!
    Estou indo para a Asia em dezembro, ficarei 19 dias, contando com a ida e a volta. Gostaria de sua opinão quanto ao roteiro que montei. Se achar que dá para incluir alguma coisa, me fala, por favor! Eu queria MUITO conhecer o Camboja também, mas acho que ficará muito corrido!
    26 – Chegada em Bangkok
    27-Bangkok
    28-Bangkok
    29- Bangkok
    30 – Bangkok – Hanoi
    31-Hanoi
    1- Halong Bay
    2 – Halong bay – Hanoi (dorme em Hanoi)
    3 – Hanoi – Hoi An
    4 – Hoi an
    5- Hoi An
    6 – Hoi An – Krabi
    7 – Krabi
    8- Ko phi phi
    9 – Ko phi phi
    10 – Ko phi hi –
    11 – Ko phi phi – Krabi – Bangkok
    12- Bangkok
    13 – Bangkok – Brasil

    HELP!
    Beijo!

    1. Oi Claudia tudo bem? Eu acho que você pode diminuir 1 dia pelo menos em Bangkok. Ah, e não esqueça de fazer o bate volta pra Ayuthaya que vale super a pena. E o que você vai fazer em Krabi? Porque na cidade em si não tem nada, dá para você pegar a balsa para Phi Phi neste dia 7. Se quiser conhecer mais uma praia, pode incluir Railay Beach também antes de Phi Phi. Pra Halong Bay fica esperta que o clima em dezembro pode ser meio ruim, só vá se estiver aberto (se não você vai ficar morrendo de frio dentro do barco).

      Outros posts bons pra você:
      http://www.carpemundi.com.br/o-que-fazer-em-hanoi/
      http://www.carpemundi.com.br/o-que-fazer-em-hoi-an
      http://www.carpemundi.com.br/dicas-ilhas-phi-phi
      http://www.carpemundi.com.br/ayutthaya-bate-volta-bangkok/

      1. Olá Claudia. Vc ira sozinha? Chego dia 28 em Bangkok e faremos praticamente as mesmas cidades, embora eu pretenda passar pelo Laos e Camboja e não ficar tanto tempo nas ilhas. Os acha de compartilharmos dicas? Fica aqui meu face caso tenho interesse em trocarmos informações: bella peres Cardoso.
        Obs: betina, seu site é SENSACIONAL. Não conseguiria nem começar a montar meu roteiro sem ele. MTO obrigada.

  21. ola betina, estou indo dia 11 outubro para hong kong. chego dia 13 na cidade. e retorno dia 31.

    Estou pensando em fazer hong kong, Cingapura, Bangkok, mas ainda nao sei quantos dias e se da para encaixar algo na tailandia pode me ajudar?

  22. Oi Betina estamos programando uma viagem de 25 dias ao sudeste asiático. Pensamos em dividir esse tempo entre Tailandia, Mianmar, Cambodja e Vietnã. O que você sugere?
    Gostaríamos de ir por conta propria mas talvez nos juntarmos a um grupo lá para fazermos a locomoção e as viagens.
    O que você acha?

  23. ola betina, tudo bem?

    parabens pelo site esta muito bom!!!
    vamos fazer um roteiro de 30 dias no sudeste asiatico adoramos seu roteiro de 3 semanas;
    Bangkok (3 dias) – Chiang Mai (4 dias, sendo um dia pra bate-volta a Chiang Rai e outro para visita a um santuário de elefantes) – Luang Prabang (2 dias) – Hanoi (2 dias) – Hoi An (2 dias) – Siem Reap (4 dias) – Koh Phi Phi (3 dias)

    mas curtimos mais praias e ilhas o que nos sugere para substituir e ficar mais nesses lugares.

    e depois 10 dias em bali vc tem algum roteiro?

    muito obrigado desde ja!!

    1. Oi Pietro tudo bem?
      Você pode incluir Koh Rong, no Camboja, ou Koh Chang, Koh Mak ou Koh Lipe, na Tailândia, por exemplo. Railay Beach também é legal. Bali não conheço ainda :/

  24. Olá, boa tarde.
    Estou pensando em fazer Tailândia + Indonésia em dez/janeiro e tenho 20 dias. Acha que vale a pena fazer esse roteiro ? Essa é uma boa época para ir e conhecer as praias ?

    1. Oi Amanda! Eu não recomendo unir Tailândia com Indonésia nessa época porque é época das chuvas na Indonésia. Se for viajar em dez/jan melhor ir para Tailândia e Camboja (Siem Reap)!

  25. ola tenho 4 semanas e estou tentando montar um roteiro que inclua Tailandia, Laos, Camboja, Vietnan e Malasia. Como nunca estive na região, temos alguns desafios para definir quanto tempo para cada. Pelo que li, dizem que o ponto alto desta viagem seria a Tailandia, portanto como entramos e saimos por la, imagino ja no dia seguinte da chegada, voar para KL (5 dias), depois Vietnan (8 dias), Camboja (3 dias, Laos (2 dias) e o restante (10 dias) concentrar ao fim da viagem na Tailandia. Penso em comprar o Asian pass mas pelo que vejo acabaria não usando o trecho com 10 vôos; Qualquer orientacao seria bem vinda.

    1. Oi Leticia tudo bem?
      Acho 2 dias muito pouco pra ir até o Laos, melhor pular.
      5 dias em Kuala Lumpur também é muito, a não ser que você esteja planejando em ir pra outro lugar na Malásia.
      E não acho que valha a pena o Asian Pass porque você não deve usar todos os trechos e os voos são bem baratos no geral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *