lua de mel


11 destinos não tão caros e superbacanas pra passar a lua de mel

Uma lua de mel dos sonhos não precisa ser sinônimo de rombo no orçamento. E mesmo com uma verba limitada dá pra conhecer lugares incríveis e autênticos na viagem. Veja aqui 11 destinos não tão caros assim e superbacanas pra passar a lua de mel.

DESTINOS BARATOS PARA LUA DE MEL

ILHAS MAURÍCIO, África

No sudeste da África, esse destino de águas azuis-turquesa e bangalôs sob palafitas garante o mesmo cenário de viagens de sonho como Seychelles, a 2h30 dali, por metade do preço praticado na vizinha: não à toa, é um dos cinco roteiros de lua de mel mais vendidos atualmente entre as operadoras. Suas lindas praias são cercadas por montanhas e florestas, há um monólito gigante na ilha que se vê de todo lugar e uma incrível cachoeira submersa no oceano. Já a capital, Port Louis, é um enorme caldeirão cultural, étnico e gastronômico, com forte influência de três continentes. No mais, dá pra aproveitar a conexão aérea na África do Sul (são quatro horas de voo desde Johannesburgo) pra unir a viagem com dias de safári em reservas como o Kruger Park – alguns pacotes já vêm, inclusive, com a opção.

LEIA TAMBÉM: Lua de mel: por que embarcar rumo às Ilhas Maurício

ilhas-mauricio-africa

DESTINOS BARATOS PARA LUA DE MEL

ÁFRICA DO SUL, África

Fazer safári na África do Sul está na moda e pode sair bem caro. Mas dá pra programar uma trip sem gastar muito adaptando a experiência. O primeiro passo é trocar os hotéis cheios de glamour e piscina privativa no quarto por algo mais econômico como uma casa do Airbnb ou acomodações simples nas proximidades de reservas como o Kruger Park. Vocês vão precisar alugar um carro em Johannesburgo, porta de entrada pra quem voa do Brasil, e dirigir até lá (cerca de 5 horas). Pra ver os bichanos, tem que pagar a entrada do parque nacional pra explorar a selva por conta. A chance de ver os bichos mais raros não é tão certa como nos tours tradicionais feitos pelos lodges caríssimos, mas vocês com certeza vão fotografar elefantes, hipopótamos, girafas, zebras, búfalos… Melhor ainda de manhã bem cedo. E vão voltar pra casa com recordações incríveis de um safári sul-africano. Ir pra Cape Town encarece o rolê, mas garante outras experiências igualmente legais.

elephant-park-south-africa

DESTINOS BARATOS PARA LUA DE MEL

DESERTO DO ATACAMA, Chile

Perto, lindo e em conta. Passar a lua de mel no Deserto do Atacama garantirá a vocês ver alguns dos cenários mais doidos do mundo, que parecem ter saído de Marte, como o Vale da Lua, além de curtir passeios com vibe romântica como as águas quentinhas das Termas de Puritama. Dá pra organizar a viagem focando em atividades como um piquenique com vinho numa das tantas paisagens deslumbrantes, avistar o céu mais estrelado da vida em supertelescópios e um passeio de balão pra ver o deserto do alto. Veja onde ficar no Deserto do Atacama neste post. No fim, as atividades serão tantas que em uma semana vai faltar tempo de fazer tudo. Na ida ou na volta, uns dias em Santiago também não caem mal.

LEIA TAMBÉM: Veja quais são os melhores passeios do Atacama

DESTINOS BARATOS PARA LUA DE MEL

MENDOZA, Argentina

Clima friozinho, bons vinhos e muita parrilla. Perto e em conta. Mendoza, na Argentina, fica numa cênica região de montanhas e tem a quinta maior produção vinícola do mundo. Visitem as Bodegas Terrazas de los AndesFamília Zuccardi e Catena Zapata. E ainda dá pra explorar a região das montanhas. Percorram o lago de Potrerillos, o povoado de Uspallata, a estação de esqui Los Penitentes, a Puente del Inca e o Parque Provincial Aconcágua. Mais adiante, o Cristo Redentor de los Andes está bem na divisa da Argentina com o Chile. E dá pra unir a viagem com Buenos Aires, a 2h de voo, ou Santiago, a só 1h. Em tempo: as vinícolas ficam abertas o ano todo, mas se quiserem acompanhar a vindima, época da colheita em que rolam tradições como pisar nas uvas, programem-se pra viajar em março.

LEIA TAMBÉM: O que fazer em Buenos Aires, bairro a bairro // O que fazer em Santiago: roteiro de 3 dias

mendoza

DESTINOS BARATOS PARA LUA DE MEL

TAILÂNDIA, Sudeste Asiático

Passar a lua de mel na Tailândia é ficar estirado na praia, mas também conhecer uma cultura diferente vivendo experiências fantásticas. Vocês vão ver templos majestosos em Ayutthaya (veja o roteiro completo aqui), santuários de elefantes que respeitam os gigantes em Chiang Mai e conhecer todo o mundo caótico e interessante de uma capital como Bangkok, com seus mercados flutuantes coloridos, bares rooftop altíssimos, ruas malucas como Khao San Road e mais. Na hora de ir pra praia, planejem-se pra ficar em Railay Beach, de onde saem passeios pra Maya Bay, o principal motivo que leva o pessoal a Koh Phi Phi. Dá trabalho chegar em Koh Lipe, mas se vocês querem encontrar o paraíso na Tailândia, com certeza é pra lá que devem ir (veja mais no nosso guia de praias na Tailândia).

DESTINOS BARATOS PARA LUA DE MEL

FILIPINAS, Sudeste Asiático

Casais em busca da natureza selvagem mais impressionante da vida se darão bem em Palawan e em Coron, os destinos cartão-postal das Filipinas, difíceis de serem superados. Imaginem praias branquinhas banhadas por águas cristalinas e rodeadas por rochas encravadas no mar, grutas azuis e cachoeiras escondidas entre a vegetação e uma fauna riquíssima a exemplo dos famosos tubarões-baleia. E agora imaginem alugar um caiaque e sair conhecendo todo o cenário sem rumo. Dentre as expedições de barco da TAO, que exploram as Filipinas como ninguém, há opções exclusivas, ótimas pra se curtir a dois. Pro restante do tempo, planejem uma casinha pé na areia pra alugar pelo Airbnb. Vocês vão ter uma lua de mel dos sonhos e só vão gastar mesmo na passagem.

LEIA TAMBÉM: Por que incluir as Filipinas na sua próxima viagem pelo Sudeste Asiático // Como montar um roteiro pelos principais destinos das Filipinas

boracay-filipinas

DESTINOS BARATOS PARA LUA DE MEL

SAN BLAS E BOCAS DEL TORO, Panamá

O Panamá também tem Caribe. San Blas é um paraisinho azul com 365 ilhas e ilhotas, uma pra cada dia do ano, que poderia facilmente se passar pelas Maldivas, pelo Taiti ou qualquer outro conjunto de ilhas dos sonhos do Oceano Índico. A única diferença é que em San Blas vocês não vão ver resortões e bangalôs. Aliás, mal vão ver hotéis simplinhos. O lugar é totalmente preservado, autêntico e tomado pelos índios, que fazem questão de controlar a entrada e a saída dos turistas. Mas ficando num veleiro vocês garantem passada exclusiva por todas as ilhas no maior clima de amor – o Angelique II, por exemplo, é uma ideia boa. De lá continuem a viagem em Bocas del Toro, point do surf no Panamá, com praias igualmente idílicas como as de Cayo Zapatilla e a Playa de las Estrellas. Faixas de areia tranquilas, mar transparente e calminho pra ninguém botar defeito.

LEIA TAMBÉM: Bocas del Toro e San Blas: descubra o Caribe panamenho // O que fazer na Cidade do Panamá (com dicas de compras!)

san-blas-pelicano-island

DESTINOS BARATOS PARA LUA DE MEL

TULUM, México

Vizinha mais roots de Cancún, Tulum é conhecida pelo sítio arqueológico homônimo, mas também é um vilarejo de praia fofinho, ideal pra recém-casados em busca de paz, sossego e curtir a dois. Ali se instalaram pequenos hotéis e pousadinhas, butiques de designers locais, bares, restaurantes, lojinhas de artesanato. Em vez de carro, se usa a bicicleta. No lugar de balada non-stop, há spas e aulas de yoga. O mar é lindamente azul, a vibe é relaxada. E há aquele magnetismo leve e praiano que faz a gente amar lugares como Caraíva e Pipa. Pra quem acha Cancún muito americanizado e Playa del Carmem muito baladeira, mas não abre mão do mar do Caribe e da proximidade e facilidade de chegar no México: este pode ser o seu lugar pra passar a lua de mel.

DESTINOS BARATOS PARA LUA DE MEL

JAMAICA, Caribe

Se tem um lugar cuja identidade é ditada pelo reggae, esse lugar é a Jamaica. Mas o que não significa que essa ilha não cumpra seu papel como uma das opções mais procuradas pra passar a lua de mel no Caribe. Prova disso são os novos bangalôs na água, formando um coração visto de cima, do Sandals South Coast (foto de capa do post; diárias desde US$ 900 em sistema all-inclusive). Os resorts jamaicanos são cheios de iniciativas românticas. Outro hotel pra se curtir a dois e, aí sim, muito mais em conta, é o Rockhouse Hotel (diárias desde US$ 145), em Negril, onde os bangalôs estão encaixados nos penhascos escarpados de frente pro mar. Se não for de fato ficar lá dá pra ir só curtir o visual numa refeição. E, no mais, aproveitar as faixas de areia dos sonhos e o mar cristalino da ilha, além de seus rios turquesas correndo entre as montanhas de Ocho Rios e lugarzinhos como Port Antonio, onde fica a baía de Frenchman’s Cove, um dos cenários clássicos de A Lagoa Azul. Mais poético impossível.

LEIA TAMBÉM: Praias da jamaica e tudo o que você quer saber sobre a ilha caribenha do reggae

sandals-south-coast-jamaica

DESTINOS BARATOS PARA LUA DE MEL

CROÁCIA

Hit da Europa nos últimos anos, oferece o combo sítios históricos + praias perfeitas por um preço consideravelmente menor do que os praticados na Grécia, por exemplo. Para os casais que embarcam numa primeira viagem pelo país, o itinerário base pode passar por Zagreb, o Parque Nacional de Plitvice, Zadar, Split, Trogir, Ilha de Vis, Ilha de Hvar, Ilha de Brac e, enfim, Dubrovnik. Ou, se a ideia for mais de ficarem largadões em praias, foquem mesmo em Vis, Hvar, Brac e Dubrovnik. Dá pra alugar um carro ou circular tranquilamente pelo país de transporte público. Se conseguirem conciliar a trip com o verão europeu, o roteiro fica perfeito.

croacia-dubrovinik

DESTINOS BARATOS PARA LUA DE MEL

PORTUGAL

Acreditem se quiser: Portugal tem praias tão ou mais bonitas do que as do Brasil, e em uma road trip curta pela costa do Algarve você vê boa parte delas. Aluguem um carro e estabeleçam algumas bases para dormir e fazer viagens de bate-volta: é bom se hospedar em Tavira, Lagos e Odeceixe, pela localização e porque são uma graça. Daí passe os dias entre restaurantes com frutos do mar fresquíssimos, pousadinhas de charme e faixas de areia com vistas dramáticas de falésias e mar transparente, como a bela Praia da Marinha. A escapada é motivo também pra dar um pulo na região do Alentejo e curtir os vinhedos e suas paisagens encantadoras, além de um giro em Lisboa e, se der, no Porto, no norte do país.

LEIA TAMBÉM: Roteiro pela costa do Algarve e do Alentejo

A autora

Anna Laura Wolff

Anna Laura Wolff

Jornalista por formação e fotógrafa por vocação, a editora do Carpe Mundi passou pelas redações da CARAS Online e da Viagem e Turismo. Depois de uma temporada em Paris, decidiu ser viajante full time.


Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *