Infraestrutura completa, relaxar e serviços 24/7: se é isso que você busca em uma viagem de férias, os resorts podem ser as opções mais certeiras.

Esses super hotéis com várias piscinas, restaurantes e uma agenda completa de programas de entretenimento são refúgios nos quais as palavras “preocupação” e “stress” não fazem parte do vocabulário. Numa seleção esperta dos melhores estabelecimentos do país, aqui vai uma lista dos 15 melhores resorts do Brasil, com opções de praia, serra e águas termais. 

LEIA MAIS: 14 biquínis e peças que são tendência de moda praia

MELHORES RESORTS DO BRASIL

Um FAQ com todas as suas dúvidas sobre a estadia em resorts respondidas:

Ficar em resort funciona para mim?

Sim, se você não se importa em ter o próprio hotel como destino. Afinal, para compensar o preço e aproveitar a estrutura do local, é melhor ficar o máximo de tempo possível dentro do próprio resort. Em geral, há uma grande oferta de passeios bate-volta (muitos com preços bem salgados) e coisas para se fazer dentro da propriedade – você pode tanto passar a maior parte do tempo na beira da piscina quanto lotar sua agenda de atividades.

Compensa alugar carro?

Depende do destino. Se tiverem praias e atrações bacanas ao redor para conhecer, pode valer a pena – na RentCars, um carro intermediário sai a partir de R$ 104 a diária na maior parte das capitais do Brasil. Mas, se a ideia for ficar direto no resort, não vale alugar um carro apenas para o trajeto hotel-aeroporto. Você pode negociar um transfer, já que a maioria das acomodações têm as próprias empresas conveniadas que fazem esse transporte.

Resort all-inclusive vale a pena?

Seguindo a mesma lógica da hospedagem explicada acima, o all-inclusive vale a pena para quem vai ficar 99% do tempo dentro do resort. É um sistema mais caro que não compensa para quem vai ficar saindo para conhecer os restaurantes locais. Também vale a pena para quem quer consumir bebidas alcoólicas sem se preocupar com a conta no final.

Como reservar?

Além do Booking, é interessante checar pacotes em agências de viagem – alguns já incluem passagens aéreas e transfer. É importante lembrar que a maioria dos resorts costumam ter um mínimo de diárias para reserva (sobretudo em feriados e datas especiais).

Qual critério utilizado para classificar os resorts?

Selecionamos os melhores resorts do Brasil pensando na experiência que eles proporcionam aos hóspedes, focando no público adulto. Também consideramos a infraestrutura, os serviços oferecidos, o tamanho e a localização das propriedades.

$ – preços das passagens aéreas a partir de São Paulo, considerando ida e volta; preços das diárias dos resorts em quarto duplo, valores podem sofrer alterações por conta da alta e baixa temporada

Melhores resorts do Brasil: PRAIA

1) Txai Resort – BA (3 diárias a partir de R$ 6 141)

Resort de luxo, o Txai é filho único da praia de Itacarezinho. A imensa propriedade, cercada por trechos de Mata Atlântica, tem ao seu dispor uma extensa praia e 5 piscinas. A hospedagem pode ser feita em bangalôs ou apartamentos, todos com decks de madeira e vibe intimista. A proposta do resort é te fazer se sentir em casa: a decoração praiana-chique é cheia de detalhes charmosos e todos as acomodações têm uma máquina Nespresso (cápsulas cobradas à parte).

Prepare-se para gastar sem medo. A diária faz jus à experiência de luxo e a parte de comes e bebes também não sai barata: uma moqueca de peixe para duas pessoas custa em torno de R$ 130 no Restaurante Praia.

Um destaque especial para o Txai: seu compromisso com a preservação ambiental. O resort tem programas de base comunitária, entre eles, o Txaitaruga, que protege tartarugas-marinhas. 

txai-melhores-resorts

Dica: aproveite a piscina com borda infinita do spa. Não é necessário fazer algum tratamento lá para poder utilizar. Vá durante o dia para poder apreciar a vista e tirar fotos incríveis. 

PARA QUEM É: adultos e casais (inclusive, no Txai são realizados muitos casamentos) que desejam uma experiência de luxo

Nº DE QUARTOS: 38, divididos entre apartamentos e bangalôs

Nº DE RESTAURANTES:

Nº DE PISCINAS:

COMO CHEGAR: voe para o aeroporto de Ilhéus (passagens a partir de R$ 447) – o Txai tem um lounge exclusivo lá – e pegue um transfer. O hotel tem serviço próprio, cobrado à parte. Para ir carro, o trajeto dura por volta de 50 minutos pela rodovia BA-001

2) Nannai Resort e Spa – PE (3 diárias a partir de R$ 4 966)

nannai-resort

Na mesma pegada luxuosa, o Nannai capricha nos bangalôs e villas, que, além de proporcionar uma experiência de hospedagem exclusiva, complementam bem o design do resort – alguns têm piscina privativa e gazebo. Os apartamentos não são tão luxuosos, mas a área externa do resort compensa: piscinas, spa e um trecho delicioso de praia com piscinas naturais. Um diferencial interessante é que caiaques e barcos de lazer são oferecidos pelo hotel sem custo.

Fugindo do padrão da maioria dos resorts de grande porte, o Nannai tem apenas um restaurante. O regime é de meia-pensão, com café da manhã e jantar inclusos na diária. O hotel oferece também um lanche da tarde no gramado bem charmoso. A hospedagem deve ser de, no mínimo, 3 noites. 

PARA QUEM É: casais que querem uma experiência sofisticada no Nordeste

Nº DE QUARTOS: 95, sendo 49 bangalôs

Nº DE RESTAURANTES:

Nº DE PISCINAS: 2 (cada bangalô também tem sua piscina privativa)

COMO CHEGAR: voe para o aeroporto de Recife (passagens a partir de R$ 383). De lá, são 48 km na estrada até o Nannai

3) Vila Galé Cumbuco – CE (3 diárias a partir de R$ 3 375)

vila-gale-cumbuco

Entre as dunas da Costa dos Ventos, no Ceará, este resort da rede portuguesa Vila Galé é bem grande, tanto no quesito tamanho da propriedade como número de quartos. É servido por 4 restaurantes e uma discoteca que funciona de quinta a sábado. O spa não é reservado apenas a tratamentos estéticos e massagens: há um centro com programas médicos para quem quer emagrecer ou parar de fumar, por exemplo. O trecho de praia tem mar com ondas e ventos fortes.

LEIA TAMBÉM: Praia em julho no Brasil: 3 destinos sem erro no Ceará

Miniguia de Jericoacoara, o destino de praia mais querido do Ceará

É um resort mais agitado e familiar, com apresentações e música ao vivo à noite e grande variedade de atividades. Dá pra fazer um passeio de bugue pelas dunas, cobrado à parte. Aproveite bem o regime all-inclusive: o restaurante central abre às 5h da manhã para o café da manhã, contempla todas as refeições principais e oferece até a ceia (finalizada às 3h da manhã). O bufê é amplo e bem servido. Para os restaurantes à la carte é preciso ficar no mínimo 3 dias para ter direito a uma reserva. 

PARA QUEM É: famílias e grupos de amigos que querem aproveitar o resort como destino em si 

Nº DE QUARTOS: 537, sendo 49 chalés

Nº DE RESTAURANTES: 4, sendo um principal e 3 à la carte

Nº DE PISCINAS:

COMO CHEGAR: voe para o aeroporto de Fortaleza (passagens de São Paulo a partir de R$ 455). De lá, siga por uma hora na CE-085 até o resort

4) Tivoli Ecoresort Praia do Forte – BA (3 diárias a partir de R$ 5 050)

Com pegada sustentável, o Tivoli é parceiro do projeto Tamar e ocupa apenas 20% da sua área de 300 mil m². Apesar de bem grande, não tem aquela vibe “resortão” – massificada e movimentada. Por ser um resort de luxo, a experiência tem um quê de exclusividade e sofisticação. Funciona no esquema meia-pensão (café da manhã e jantar incluídos). Para o almoço, você pode aproveitar os restaurantes internos ou ir até a vila da Praia do Forte, que tem muitas opções gastronômicas (e de lojas de souvenirs também). 

Veja aqui um guia oficial de hotéis, pousadas e resorts no litoral da Bahia!

O destaque da área externa vai para as day-beds dentro da piscina, que já ficaram conhecidas nas fotos do Tivoli. Também dá pra aproveitar um momento relax nas espaçosas varandas do apartamento, já que todos têm rede. Preste atenção no calendário: o resort sedia eventos com atrações musicais em datas especiais. Quem reserva as suítes “Master Spa” tem acesso livre às três saunas, jacuzzis, estações de hidroterapia e piscina exclusiva do spa. 

tivoli-ecoresort-bahia

Leia nossa resenha completa do Tivoli Ecoresort.

PARA QUEM É: casais e famílias que valorizam uma ampla estrutura mas sem toda a agitação dos grandes resorts

Nº DE QUARTOS: 300

Nº DE RESTAURANTES: 3

Nº DE PISCINAS: 7

COMO CHEGAR: voe até o aeroporto de Salvador (passagens a partir de R$ 369). Depois, siga por 58 km pela rodovia BA-099

5) Club Med Rio das Pedras – RJ (3 diárias a partir de R$ 3 953)

Um dos mais tradicionais resorts do Rio de Janeiro, o Rio das Pedras é rodeado pela Mata Atlântica e dá uma sensação de aproveitar o melhor dos dois mundos: o litoral e a serra. Essa localização super exclusiva, extremamente fotgênica e bem pertinho da capital é um dos destaques do Club Med. Você pode fazer trilhas na mata e curtir a praia no mesmo dia. Além disso, é possível fazer vários passeios para as proximidades: Angra dos Reis, Paraty, Ilha Grande e até a uma fazenda de café.

LEIA MAIS: Guia de Paraty (RJ): charme colonial, praias e tudo o que você precisa saber

13 bate-voltas desde o Rio de Janeiro para curtir o final de semana

O diferencial do Club Med é o grande enfoque em esportes. Lá, você encontrará várias opções tanto de esportes aquáticos e terrestres, com destaque para aulas coletivas de esqui aquático e wakeboard já incluídas no valor da diária. É uma boa opção, considerando que esses extras em outros resorts são bem caros. 

Extra: o Rio das Pedras tem uma área exclusiva chamada La Réserve; um espaço cinco-estrelas (ou 5 tridentes no linguajar do Club Med), com serviços exclusivos e acomodações amplas. Ali hóspedes têm acesso a uma piscina com borda infinita e praia exclusiva com serviço de bar e podem se hospedar em uma suíte de 80 m² ou uma cobertura de 120 m². 

PARA QUEM É: pessoas que curtem esportes e ecoturismo 

Nº DE QUARTOS: 346

Nº DE RESTAURANTES: 2

Nº DE PISCINAS: 4, sendo uma no espaço La Réserve

COMO CHEGAR: voe até o Rio de Janeiro (passagens a partir de R$ 229). Partindo de lá, a viagem de carro é de 2 horas até o local. Para ir de carro a partir de São Paulo, são 450 km pela Rio-Santos

6) Kenoa Exclusive Beach Resort – AL (3 diárias a partir de R$ 6 600)

A pequena quantidade de quartos e a propriedade não tão ampla dão ao Kenoa configuram mais um hotel-boutique do que de resort propriamente, mas isso não impede sua classificação como um dos melhores resorts do Brasil. Esse exclusivíssimo resort de luxo com apenas 23 quartos, um restaurantes gourmet, um spa top e serviço impecável proporciona uma das experiências mais intimistas e sofisticadas no Nordeste, ótima para casais. 

Entre os passeios que dá para fazer de lá estão andar a cavalo pela praia, visitar um criatório de ostras e fazer um tour de lancha pela Barra de São Miguel. Todos pagos à parte. A praia é agitada, mas dá pra curtir o litoral pela piscina com vista para o mar. 

kenoa-resort

PARA QUEM É: casais que querem total exclusividade durante a viagem 

Nº DE QUARTOS: 23, entre vilas e suítes

Nº DE RESTAURANTES: 1

Nº DE PISCINAS: 2

COMO CHEGAR: voe até o aeroporto de Maceió (passagens a partir de R$ 447). De lá, a viagem pela BR-424 dura uma hora

7) Transamérica Comandatuba – BA (3 diárias a partir de R$ 4 378)

Único na ilha de Comandatuba, o resort é um destino por si só, com área gigante e um cardápio de atividades com mais de 80 opções (algumas pagas à parte) – desde aulas de dança a aulas de squash. Piscinas, spa, salão de jogos, campo de golfe, quadra de tênis: tem de tudo ali.

Os quartos trazem sensação de casa de praia. Não são luxuosos, mas são bem amplos. O resort tem muitas opções gastronômicas, com destaque para o Restaurante da Praia que serve petiscos das 11h às 17h, e o Quiosque da Baiana, onde são servidos acarajé, tapiocas doces e salgadas. Há também um restaurante exclusivo para as crianças, o Beiju. 

transamerica-resort

O Transamérica já foi um dos mais bem conceituados resorts do Brasil, no entanto, hoje está em decadência. É uma opção mais datada, sem tantas comodidades e experiências exclusivas como outros dessa seleção.

PARA QUEM É: principalmente famílias e grupos de amigos que gostam de agitação e muitas opções de entretenimento 

Nº DE QUARTOS: 363

Nº DE RESTAURANTES:

Nº DE PISCINAS: 7, sendo duas infantis e duas exclusivas do Centro Náutico

COMO CHEGAR: voe até Ilhéus (passagens a partir de R$ 447). Pegue a estrada Una-Ilhéus. Em 1h20 você chegará no resort

8) Ponta dos Ganchos Resort – SC (3 diárias a partir de R$ 8 343)

ponta-dos-ganchos-sc

Um dos hotéis mais luxuosos do Brasil é na verdade um resort. Sua sofisticação se confirma já na localização: fica em uma península particular na cidade de Governador Celso Ramos, colada em Floripa. A acomodação mais “simples” é um bangalô de 80 m² com dois decks com vista para o mar da Costa Esmeralda. O atendimento é um dos mais personalizados do Brasil: há, no mínimo, 2 funcionários por hóspede. 

LEIA MAIS: As praias mais bonitas de Florianópolis: conheça a natureza selvagem do sul da ilha

O oásis no litoral catarinense é voltado para o romance: os bangalôs são para dois e não são aceitos menores de 18 anos, com exceção de datas especiais. Entre as experiências, está um programa chamado Private Celebration, exclusivo para casais, que inclui massagem com óleos essenciais e jantar à luz de velas com garçom exclusivo. O diferencial não é exatamente a praia – que é lindíssima, mas pode não agradar quem prefere águas mais quentes – e sim a experiência.

O preço é o que se espera de um dos melhores resorts do Brasil, que já teve como hóspedes Beyoncé e Paul McCartney. Mas com uma certeza: você terá alguns dos momentos mais luxuosos e exclusivos da vida. Confira a review completa do Ponta dos Ganchos.

PARA QUEM É: casais em busca do mais alto padrão de luxo na hospedagem brasileira

Nº DE QUARTOS: 25 

Nº DE RESTAURANTES: 1

Nº DE PISCINAS: à exceção do bangalô Anhatomorim, todas as acomodações têm piscina exclusiva

COMO CHEGAR: voe até Florianópolis (passagens a partir de R$ 285). De lá, são 65 km até o Ponta dos Ganchos

salinas-maragogi-melhores-resorts-brasil

9) Salinas Maragogi All-Inclusive Resort – AL (3 diárias a partir de R$ 3 597)

Esse resort pé na areia na praia de Maragogi, com águas calmas e cristalinas, tem uma estrutura bem grande que atende principalmente famílias e grupos de amigos. É um hotel mais antigo e massificado. Dependendo da localização do seu quarto, a hospedagem também pode ser um intensivo de caminhadas. Para chegar à praia e à piscina central, é preciso atravessar uma ponte sobre o Rio Maragogi. 

O sistema all-inclusive inclui bebidas alcoólicas e é bem servido. Caso você tenha preferência por marcas específicas de bebidas, é bom checar com qual eles estão trabalhando no momento de sua viagem. O passeio para as galés de Maragogi (piscinas naturais com águas bem transparentes) é o mais procurado. Você pode agendá-lo no próprio resort, com ida e volta a partir do hotel. O valor é pago à parte.  

PARA QUEM É: famílias e grupos de amigos que gostam de praias calmas e querem aproveitar o resort como o destino em si

Nº DE QUARTOS: 236

Nº DE RESTAURANTES: 3

Nº DE PISCINAS: 3

COMO CHEGAR: voe até o aeroporto de Maceió (passagens a partir de R$ 447). Depois, é só seguir na AL-105 por 126 km. O translado pela Tropicana Turismo, empresa conveniada ao Salinas, custa a partir de R$ 89

10) Carmel Charme Resort – CE (3 diárias a partir de R$ 3 831)

Como o próprio nome diz, o resort da rede Carmel tem uma pegada charmosa. Com apenas 35 acomodações (todas com vista para o mar), a propriedade costumava ser a casa de veraneio de uma família. Hoje, é uma opção de hospedagem intimista e privativa em Aquiraz, a apenas 40 km de Fortaleza. 

O spa é da marca francesa Caudalie e é um dos destaques do Carmel. São oferecidos 6 tratamentos diferentes com o uso das propriedades da uva (diferencial da marca) para tratamentos faciais e corporais. O resort é pensado para casais, sendo uma escolha acertada para lua de mel. É também conhecido por sediar casamentos. 

PARA QUEM É: casais, principalmente em lua de mel

Nº DE QUARTOS: 35

Nº DE RESTAURANTES: 1

Nº DE PISCINAS: 1

COMO CHEGAR: voe para o aeroporto de Fortaleza (passagens a partir de R$ 455). A viagem dura uma hora pela estrada CE-040

carmel-charme-resort

Melhores resorts do Brasil: SERRA, ÁGUAS TERMAIS e INTERIOR

11) Rio do Rastro Eco Resort – SC (3 diárias a partir de R$ 3 606)

Se você quer curtir um friozinho, apreciar a vista da serra catarinense e saborear um bom vinho, um chalé rústico no Rio do Rastro Eco Resort é a hospedagem ideal. O resort com 19 acomodações promove uma grande conexão com a natureza: você pode fazer um piquenique e curtir o pôr do sol nos cânions da região. Entre os passeios grátis, estão a canoagem no lago e as trilhas. 

É uma das raras opções de resort na região de serra. Por ser mais afastado e com poucos quartos, dá ainda mais sensação de refúgio e exclusividade.

Programe-se para poder prestigiar o galpão tropeiro, que acontece todas as noites de sábado. A programação inclui um típico churrasco serrano com música ao vivo e apresentações de dança. 

PARA QUEM É: casais e famílias que querem aproveitar o ecoturismo na serra catarinense

Nº DE QUARTOS: 19

Nº DE RESTAURANTES: 1  

Nº DE PISCINAS: 1 (coberta)

COMO CHEGAR: voe até Florianópolis (passagens a partir de R$ 285). A viagem até o resort é grandinha: são 3h30 de carro na serra catarinense. Outra opção é voar até o aeroporto de Jaguaruna (passagens a partir de R$ 371) e depois pegar a estrada SC-390. O trajeto dura 2h. 

12) Wish Foz do Iguaçu – PR (3 diárias a partir de R$ 2 072)

wish-foz-do-iguacu

O Wish se destaca pela sua localização: fica a apenas 7 km do Parque Nacional do Iguaçu e a poucos minutos do aeroporto. É feito para quem curtir as cataratas e ter uma hospedagem mais estruturada e com outras opções de lazer. Também pode agradar bastante aos amantes de golfe, já que um amplo campo profissional faz parte do hotel (com instrutor para iniciantes). A hospedagem é em casas com 4 a 8 quartos em formato de vilas americanas.

O resort é também dog-friendly: aceita cachorros de até 13 kg e tem um espaço específico de lazer para os pets. Entre as experiências à parte, está o “almoço no jardim secreto”, que inclui uma refeição no jardim do hotel, com menu elaborado pelo chef e pratos feitos no forno à lenha, e uma sessão de cinema no quarto. 

Dica: o Wish tem enfoque em famílias, por isso, se você quiser uma acomodação mais romântica, pode não ser a escolha mais adequada. Há programas para casais lá, mas, em geral, a vibe é familiar.  

PARA QUEM É: famílias que buscam variedade de opções de entretenimento perto das cataratas

Nº DE QUARTOS: 215

Nº DE RESTAURANTES: 3

Nº DE PISCINAS: 2 centrais

COMO CHEGAR: voe até o aeroporto de Foz do Iguaçu (passagens a partir de R$ 274). O resort é bem pertinho, dá pra pedir um Uber ou táxi. São apenas 6 km.  

13) Rio Quente Resorts – GO (3 diárias a partir de R$ 4 832)

rioquente-melhores-resorts-brasil

Um dos mais tradicionais do Brasil, o Rio Quente é na verdade um complexo formado por 6 hotéis, pelo Parque das Fontes e pelo Hot Park (aberto ao público). A experiência é um mix de calmaria nas águas termais naturais de Caldas Novas e de aventura com os esportes radicais e brinquedos aquáticos. Também abriga a Praia do Cerrado, uma praia artificial com águas naturalmente quentes e areia branquinha. É uma opção para todos os públicos: desde crianças até grupos de idosos. 

O programa no Rio Quente se baseia em aproveitar o dia nas piscinas e nos brinquedos e esportes aquáticos, se você curtir esse tipo de atividade. Quem se hospeda lá tem acesso o dia todo ao Parque das Fontes, entrada livre para o Hot Park e um espaço exclusivo na Praia do Cerrado. As opções gastronômicas são ok, nada muito elaborado.

Entre os 6 hotéis, o Hotel Cristal é o mais moderno e luxuoso. Tem uma piscina de borda infinita onde dá para contemplar a serra de Caldas Novas que faz bastante sucesso. É a opção mais adequada para os casais. 

PARA QUEM É: turistas de todas as idades que adoram piscina e não se importam com a movimentação de parques de diversão 

Nº DE QUARTOS: no Hotel Cristal, são 286

Nº DE RESTAURANTES: 7

Nº DE PISCINAS: 1 no Hotel Cristal e diversas outras no Parque das Fontes e no Hot Park

COMO CHEGAR: voe até Goiânia (passagens a partir de R$ 267). De lá, são 180 km até o resort. Os pacotes promocionais do Rio Quente costumam já incluir o translado aeroporto-hotel

14) Malai Manso Resort Yatch Convention & Spa – MT (3 diárias a partir de R$ 4 495)

O Malai Manso se autodenomina um “all-nature-inclusive”, ou seja, mistura as comodidades de um resort all-inclusive com as paisagens naturais ao redor da propriedade, próxima do Pantanal. Seus principais programas incluem pesca (fora do período de piracema), trilhas e arvorismo – é um lugar para quem curte ecoturismo. Tem convênio com uma agência de passeios, a Companhia de Aventura, que oferece programas de lazer saindo direto do resort.

LEIA MAIS: Como conhecer o Pantanal Norte, no Mato Grosso: pousadas e passeios

malai-mato-grosso

É relativamente perto da Chapada dos Guimarães – há inclusive uma opção de day tour –, porém o mais recomendado é que você faça os passeios separados. Exemplo: passe dois dias na Chapada e depois vá ao Malai para poder aproveitar ao máximo a hospedagem lá.

Veja nosso miniguia da Chapada dos Guimarães com dicas de hospedagem, restaurantes e programas.

Além dos apartamentos, o resort também tem bangalôs ao redor do lago e casas-boutiques. Estas últimas ficam mais afastadas da área central do hotel e são acomodações super charmosas e exclusivas que acomodam até 6 hóspedes, sendo 4 adultos e 2 crianças. 

PARA QUEM É: famílias e casais que prezam por mais mais conforto no ramo do ecoturismo 

Nº DE QUARTOS: 252

Nº DE RESTAURANTES: 1 central + vila Malai, espaço gastronômico com pizzaria, hamburgueria, sorveteria e choperia 

Nº DE PISCINAS: 2

COMO CHEGAR: voe até Cuiabá (passagens a partir de R$ 286). Depois, siga por 103 km na estrada MT-351

15) Unique Garden – SP (3 diárias a partir de R$ 7 272)

Um escape da correria da capital São Paulo, um refúgio de luxo em plena conexão com a Mata Atlântica e um dos jardins mais lindos de propriedades hoteleiras. Em uma das experiências exclusivas do resort, é possível visitar o Bosque dos Lobos (acompanhado por biólogos e tratadores) e observar os lobos-guará. 

O Unique, classificado como hotel, mas que cumpre todos os requisitos de um resort, tem programas especiais com foco em bem-estar e autoconhecimento. No Reconnect, por exemplo, que dura 3 dias, o hóspede é acompanhado por um nutricionista, um terapeuta corporal e um educador físico, tem aulas de yoga e atividades diárias no centro fitness.

unique-garden

Dica: o Unique também permite um day use, das 9h às 18h. Você pode tomar café da manhã no restaurante, fazer um tour pelas estufas e hortas sustentáveis, além de uma visita monitorada para conhecer a fauna e a flora que rodeiam a propriedade.

Veja também outras opções de bate-voltas a partir de São Paulo neste post!

PARA QUEM É: casais que curtem viagens de bem-estar e autoconhecimento (só aceita crianças em janeiro e julho, no segundo final de semana de cada mês e alguns feriados especiais)

Nº DE QUARTOS: 27

Nº DE RESTAURANTES: 4

Nº DE PISCINAS: 2

COMO CHEGAR: a partir do Aeroporto de Guarulhos, o trajeto dura 40 minutos até o Unique Garden

E você, conhece algum desses 15 melhores resorts do Brasil? Conte pra gente como foi sua experiência aqui nos comentários!

Maria Eduarda Nogueira

Comunicadora por paixão, vive em busca de conteúdos digitais autênticos. Viagens são sua forma preferida de consumir cultura. Fã de espaços urbanos, tem em cafés e livrarias mundo afora seus lugares preferidos, sempre com um chocolate quente em mãos.

2 comentários

Deixe seu comentário

voltar ao topo