santa catarina


As praias mais bonitas de Florianópolis: conheça a natureza selvagem do sul da ilha

Com faixas de areia branquinhas e montanhas que encontram o mar, a costa sul de Florianópolis é a mais pitoresca e preservada da ilha.

Enquanto o turismo não avança por ali, a região mantém seus encantos intocados, com praias comumente vazias (as mais bonitas têm acesso só por trilhas e barco). Conheça 5 delas abaixo.

Costa sul de Florianópolis: 5 paraísos pra conferir na sua próxima viagem

Lagoinha do Leste

Nem todo mundo encara a forte caminhada pra chegar nessa faixa de areia, considerada uma das mais bonitas da ilha (numa disputa acirrada com a Ilha do Campeche). Uma das trilhas de acesso à praia parte do Pântano do Sul, passando por mata fechada, e dura cerca de uma hora, com trechos bem íngremes. Outra ideia é partir da Praia do Matadeiro e seguir uma trilha de 3 horas por morros altos com mirantes fotogênicos. Para ambas é melhor ir com guia. Ou, se preferir, chegue ali de barquinho via Praia da Armação ou do Pântano do Sul – no verão há embarcações indo e vindo várias vezes por dia. No costão sul fica o Morro das Coroas, uma subida indicada para quem tem fôlego.

lagoinhadoleste

Ilha do Campeche

Da Praia do Campeche saem barcos diariamente no verão até a reserva ecológica da Ilha do Campeche. As visitas ocorrem das 9h às 18h. Já fora de temporada, a melhor maneira de chegar na ilhota é pegando um barquinho do píer da Praia da Armação. Ali a areia é branquinha, limpa e vazia; as árvores e palmeiras são moradia pra macaquinhos e tucanos, o mar é colorido de azul e verde e em suas águas calmas vê-se tartarugas-marinhas nadando. Trilhas revelam paisagens como a da Pedra Fincada, com bela vista pro continente. Vale a pena mergulhar de snorkel e explorar os extremos sul e norte da ilha.

LEIA TAMBÉM:

Saiba para quais países os brasileiros mais viajam – e quanto gastam por lá

Miniguia da Chapada dos Guimarães: o que fazer, onde ficar e onde comer

Onde ficar em Gramado e Canela: 21 hotéis e pousadas aconchegantes por até R$ 299 a noite

Duas praias incríveis no Ceará que você ainda não conhece

ilha-do-campeche

Praia dos Naufragados

Sul de Florianópolis: no extremo sul da ilha, a praia em área de preservação do Parque Estadual do Tabuleiro é acessada somente por uma caminhada de 4 km na trilha que sai da vila de Caieiras da Barra do Sul. A recompensa ao chegar em uma bela faixa de arei e um farol datado de 1861 rodeado por antigos canhões de guerra, que compõe a Fortaleza de Nossa Senhora da Conceição Araçatuba. A praia é frequentada por surfistas em busca das fortes ondulações que chegam do mar devido aos ventos que vêm do sul.

LEIA TAMBÉM: 10 razões pra aprender a viajar com pouca bagagem

O que fazer no Rio de Janeiro: 25 programas imperdíveis

7 dicas pra você ter um perfil de viagem mais bacana no Instagram

Como explorar Bonito, o melhor destino de ecoturismo do Brasil

farol-praia-naufragados

Praia da Armação

Sul de Florianópolis: entre as praias acessíveis de carro nesse pedaço da ilha, tem pequena infraestrutura na beira do mar, com barraquinhas vendendo coco e petiscos. O canto esquerdo, mais deserto, tem mar mais agitado. Do canto direito, próximo da igreja e do centrinho comercial, partem barcos pra Ilha do Campeche. E, perto dali, uma pontezinha leva ao sinuoso caminho ao longo da rochosa beira-mar até a Praia do Matadeiro, uma faixa de areia pequeninha e deserta rodeada por vegetação e alguns trechos de pedra. No percurso, vale fotografar no topo do morro, com a melhor vista.

praia-da-armacao

Praia da Solidão

Sul de Florianópolis: entre a Costa de Dentro e a Praia do Saquinho, essa praia tem faixa de areia estreita cercada por morros virgens, mar agitado e uma trilha após a ponte sobre o rio que leva a uma bonita cascata que forma uma piscininha natural. Surfistas adoram o local por causa das boas ondas, mas há tempos a praia não é só deles: estacionamentos, quiosques, aluguel de cadeiras e guarda-sóis já chegaram por ali. O acesso pode ser feito de carro ou a pé pra quem vem dos Açores. Em tempo: leve dinheiro vivo se pretender passar o dia ali.

LEIA TAMBÉM: 10 dicas pra aprender a barganhar nas viagens

Seu guia oficial de hotéis, pousadas e resorts no litoral da Bahia

Ilhabela: praias de Castelhanos e Bonete, dois paraísos do litoral paulista

Miniguia de Jericoacoara: como chegar, o que fazer, onde comer

praia-da-solidao

A autora

Anna Laura Wolff

Anna Laura Wolff

Jornalista por formação e fotógrafa por vocação, a editora do Carpe Mundi passou pelas redações da CARAS Online e da Viagem e Turismo. Depois de uma temporada em Paris, decidiu ser viajante full time.


Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *