Passar o Natal na Europa é mergulhar de cabeça no espírito natalino em sua forma mais tradicional e autêntica. O frio, os mercados temáticos, a decoração das ruas e lojas, a comida farta e as bebidas quentinhas proporcionam uma experiência única e inesquecível para o viajante brasileiro.

LEIA TAMBÉM: 10 mercados de Natal que você não pode perder nestas férias pela Europa
Para onde viajar em dezembro: os melhores destinos do mês selecionados a dedo
O que levar na mala pra Europa neste inverno
Ski na Europa: 5 estações com aberturas antecipadas

Antes de programar a sua viagem de Natal na Europa é importante ter em mente que:
1) Em muitas dessas cidades, a época de festas movimenta um número absurdo de viajantes, então prepare-se pra não estar sozinho.
2) Muitos restaurantes fecham nos dias 24 e 25 de dezembro. Por isso, a melhor opção pra uma refeição autêntica, intimista e mais barata é alugar um apartamento, comprar comida em feiras e mercados locais e preparar a ceia com seus companheiros de viagem.

Natal na Europa: 14 cidades pra curtir a magia das festas

1) Zagreb, na Croácia

Com um dos melhores mercados de Natal na Europa, Zagreb vem se tornando um destino cada vez mais popular durante as festas. Além de Ban Jelačić Square, European Square e do parque Zrinjevac, você pode conferir o parque nacional de Plitvice coberto pela neve e, se estiver frio o bastante, suas cachoeiras congeladas. Em Zagreb, na véspera de Natal, a maioria dos restaurantes fecha, mas alguns hotéis, como o Esplanade Zagreb Hotel, servem ceias de Natal.

2) Basiléia, na Suíça

Natal na europa

Na Basiléia, os pinheiros e até mesmo as balsas do canal tomam um banho de luzinhas. No mercado de Natal de Barfüsserplatz fica a Christmas Pyramid, uma torre decorada com figuras de presépio. Ao redor dessa torre ficam quiosques de bebidas quentes e comidas tradicionais como o biscoito Basel Läckerli e a raclette. Outro mercado famoso na cidade é o de Münsterplatz com seus workshops e sua árvore decorada pela loja Johann Wanner. Na cidade você também encontra um rinque de patinação, concertos na catedral e visitas guiadas (em inglês). Pra ceia, o restaurante Rubino organiza uma refeição com cinco pratos.

3) Estrasburgo, na França

Estrasburgo sedia desde 1570 o Christkindelsmärik, um dos maiores mercados de Natal na Europa. Pegue o trem por 1h45 a partir de Paris pra uma estadia de dois a três dias, tempo suficiente pra bater perna nas ruas de paralelepípedo do Centro Histórico e admirar as lindas decorações natalinas nas casas em estilo enxaimel. Não deixe de ver o relógio astronômico na Catedral de Estrasburgo, patinar no gelo e assistir os concertos gratuitos pela cidade. Uma opção pra ceia de Natal é reservar uma mesa no restaurante estrelado 1741.

4) Colmar, na França

Natal na europa

Premiada por suas iluminações natalinas, Colmar é uma cidade menor que Estrasburgo, mas igualmente popular quando o assunto é Natal. Além dos mercados festivos, luzes e decorações no Centro Histórico, tem também uma caixa de correio gigante pra enviar cartas para o Papai Noel. A “Pequena Veneza” propõe visitas guiadas temáticas, rinques de patinação, exposições e concertos natalinos. Pra ceia de Natal recomendamos o hotel Le Marechal, com champagne e jazz ao vivo.

5) Bruxelas, na Bélgica

Na época de festas a capital belga sedia o Winter Wonders, um evento no coração turístico da cidade com direito a um mercado de Natal com mais de 200 quiosques, roda gigante, carrossel, rinque de patinação no gelo, show de luzes, desfiles e concertos. Se estiver à procura de um restaurante pra ceia do dia 24, reserve uma mesa no La Villa Loraine ou encomende um prato de frutos do mar na brasserie Quincallerie. Leia o nosso post sobre restaurantes clássicos que estão bombando na cena gastronômica de Bruxelas.

LEIA TAMBÉM: 12 motivos pra Bruxelas entrar no seu próximo roteiro pela Europa
O que fazer em Bruxelas: 10 experiências pra não perder na capital belga
Onde ficar em Bruxelas: 7 hotéis-boutique bacanas até € 100 a noite

6) Bruges, na Bélgica

Natal na europa

Em dezembro a cidade medieval belga se transforma em um grande mercado de Natal. Ainda que não tenha eventos grandiosos, tem feira, rinque de patinação no gelo e um ambiente bem mágico e festivo. A arquitetura gótica, o som das carruagens andando nas ruas de paralelepípedo, as luzes e decorações natalinas enfeitando os prédinhos coloridos com seus cafés, butiques e chocolaterias, transformam Bruges em um verdadeiro cartão-postal de Natal. Uma boa opção pra ceia do dia 24 é a do Restaurant Park.

7) Viena, na Áustria

Viena tem vários mercados de Natal, cada um com sua particularidade. Um tem mais de 150 quiosques e um rinque de patinação de 3 mil m², outros são mais intimistas, têm música ao vivo, exposições e comida orgânica. Nessa época acontecem vários concertos pela cidade. No dia 24 o convento Deutscher Ritterorden, onde morou e trabalhou Mozart, sedia um concerto natalino na Sala Terrena. Pra uma ceia intimista reserve uma mesa no tradicional e mais antigo restaurante da cidade, Greichenbeisl, fundado em 1447.

Natal na Europa: 14 cidades pra curtir a magia das festas

8) Colônia, na Alemanha

Natal na europa

Colônia tem sete mercados de Natal, o mais famoso é o da Catedral. O de Neumarkt também é bem conhecido, mas o que está dando o que falar é o mercado de Natal gay-friendly em Rudolfplatz. A cidade também tem vários rinques de patinação, presépios expostos em igrejas e vitrines, visitas guiadas e um trenzinho temático que te leva pra um passeio pelo Centro Histórico. Curta a ceia no Glashaus Restaurant que serve uma refeição de cinco etapas e tem vista para a catedral da cidade.

9) Munique, na Alemanha

Em época de festas a cidade do Oktoberfest sedia vários concertos em sua catedral, tem um rinque de patinação no gelo, um grande campo de curling no canal do Nymphenburg Palace e, é claro, vários mercados de Natal. O principal é o de Marienplatz. Se estiver muito frio pra andar na rua, o Christmas Tram te leva pra um tour cozy pela cidade com direito a vinho quente, comidinhas e música natalina. Na noite do dia 24, o Hotel Vier Jahreszeiten Kempinski Munich propõe uma ceia de cinco etapas com pratos bavários.

10) Glasgow, na Escócia

Natal na europa

Depois de fazer comprinhas natalinas em algumas das 1 500 lojas da Style Mile, nada mais gostoso do que passear pelo centro da cidade, todo decorado com luzinhas, beber um chocolate quente, assistir uma peça de teatro natalina, como o clássico A Christmas Carol, ou se refugiar em um pub bem cozy pra tomar uma cerveja ao lado da lareira. Pra comemorar, o restaurante Brown Glasgow propõe refeições festivas durante todo o mês de dezembro, incluindo os dias 24 e 25.

11) Helsinki, na Finlândia

Com neve praticamente garantida, o Natal em Helsinki é uma época simplesmente mágica. Sim, faz bastante frio, mas o ambiente ganha aquela vibe quentinha e cozy com o mercado de Natal, as luzes da rua Aleksanterinkatu, a vitrine da Stockmann e os concertos festivos nas igrejas. E se ainda estiver muito frio dá pra se esquentar com um copo de Glögi, uma bebida típica natalina feita com vinho, amêndoas, uvas e, às vezes, com um toque de vodka. No dia 24 saboreie uma ceia com pratos finlandeses no restaurante Savotta.

12) Rovaniemi, na Finlândia

Natal na europa

A cidade de Rovaniemi fica no norte da Lapônia, região natal do Papai Noel. A Santa Claus Village, aberta todos os dias do ano, fica ainda mais especial na época de festas, quando você pode andar de trenó, conhecer as renas, fazer workshops com os elfos, esquiar, ver a aurora boreal e até dormir em um iglu. Pra uma experiência bem autêntica e completa, reserve este pacote de 5 dias em Rovaniemi com direito à ceia, presentinhos do Papai Noel, montagem de árvore de Natal e muitas outras atividades festivas.

13) Praga, na República Checa

Praga tem um dos mercados de Natal mais famosos da Europa, além de comprar artesanatos lindíssimos e bem festivos nos quiosques, você pode experimentar algumas das especialidades locais como o Trdelník, uma massa enroladinha no espeto com açúcar e nozes, ou as salsichas klobása que caem bem com um vinho quente ou com uma cerveja local. Também não deixe de visitar a árvore de Natal do Castelo de Praga e da Old Town Square. Na véspera de Natal faça uma ceia chique no Café Imperial.

LEIA TAMBÉM: O que fazer em Praga: você não pode ir sem checar nossa lista de programas

Onde comer e beber em Praga: dicas pra fugir dos pega-turista

Onde se hospedar em Praga: melhores bairros e hotéis

Roteiro pelos castelos da República Tcheca: 6 castelos pra conhecer desde Praga

14) Copenhague, na Dinamarca

Natal na europa

Uma das principais atrações natalinas de Copenhague são os Jardins Tivoli que tem seus restaurantes e atrações iluminados por mais de 16 mil luzinhas de Natal. Os quiosques vendem chocolate quente, nozes torradas, suéteres quentinhos e aqueles ítens de decoração no estilo escandinavo que a gente adora.  No dia 24 reserve uma mesa no Tivoli Brasserie que além da ceia tradicional propõe uma versão vegetariana.

Tem outra sugestão de onde passar o Natal na Europa?
Conta pra gente nos comentários!

Giovanna Saba

Você deve conhecê-la de outro endereço, do blog Gigi em Paris, seu diário sobre a vida na capital da França. E, como pode imaginar, aqui no Carpe Mundi produz o melhor conteúdo sobre Paris. Acredita que os macarons ganham um sabor mágico se degustados em um quarto de hotel com vista para a Torre Eiffel.

Deixe seu comentário

voltar ao topo