LUGARES INSTAGRAMÁVEIS DE TULUM

A espreguiçadeira comfy de um beach club fotogênico, um mojito na mão, uma sensação de felicidade espontânea pairando no ar, ventos zen e o luxo sem ostentação são o reflexo de um dia bem vivido em Tulum. E os cliques. Muitos cliques dignos de likes pra postar no Instagram entre as atividades – Tulum é o paraíso dos lugares perfeitamente Instagramáveis e nós te contamos aqui onde encontrá-los.

LEIA MAIS: Guia de Tulum, um dos destinois mais trendy do globo, com dicas práticas

Lugares Instagramáveis de Tulum

Coco Tulum

O Coco Tulum e seu deck de madeira pintado de branco com balanços no lugar de cadeiras e quadros revelando o mar é um dos cenários mais fotografados da praia, ideal pra ser visto e ver gente, passando a tarde sem pressa degustando drinks, petiscos e curtindo o som agitado. Pra quem se interessar mais, o Coco Tulum também funciona como hotel com cabanas no estilo rústico-chique desde US$ 161 a diária – RESERVE AQUI!.

LEIA MAIS: Casa de aluguel em Tulum: a nova tendência do destino

coco-tulum

Gran Cenote

Tartaruguinhas nadando entre cavidades rochosas na água turquesa, envolta pela vegetação, caracterizam as belezas do Gran Cenote, cenote de calcário e caverna com áreas para prática de mergulho em Tulum. A região da Riviera Maya é, aliás, lotada de cenotes, cavidades naturais das mais variadas, mas o Gran Cenote merece seu destaque por ficar pertinho do centro de Tulum e ser um dos únicos totalmente abertos, com bastante luz solar entrando a todo momento do dia. E, claro, ser lindo para fotos. Se quiser um clique bem simétrico e fotogênico, vale chegar cedo e fotografar na escada de madeira entrando em direção à água.

Matcha Mama

Quiosque de madeira pintado de branco com forro de palha, balanços pendurados em frente ao balcão e frases alegres espalhadas entre as plantas. O Matcha Mama pode ser considerado um dos endereços mais fotografados da Riviera Maya pelo cenário gracinha, de Pinterest, que transpira essa vibe boa de Tulum que todo mundo busca – mas não que o matcha servido ali não seja bom, pelo contrário, o smoothie de matcha é fantástico! Quem não curte chá verde também pode pedir bowls de frutas, açaís e kombuchas.

mama-matcha-tulum

Ven a la Luz – Ahau Tulum

(foto de capa)

O artista sul-africado Daniel Popper criou tendência ao construir uma nova obra de arte como parte de um festival de artes e cultural em Tulum, o Art With Me, que busca diminuir o impacto ambiental na região. A imponente instalação é composta por madeira, aço e cordame formando o busto de uma figura menina cujo torso é preenchido por plantas, que criam um arco para os espectadores passarem por ali – e deu tão certo que a entrada do hotel, onde também fica o ótimo Raw Love (leia mais sobre abaixo), é hoje super visitada em busca desse clique.

Papaya Playa Project

Com o selo Design Hotels, celebra o conceito do novo luxo em suas 100 cabanas cercadas por flora e fauna intocadas – o melhor são as versões com piscininhas redondas privadas no terraço, foto que você provavelmente deve ter visto pesquisando sobre Tulum. Quem quiser só curtir o ambiente pode participar das aulas de yoga, embarcar num tratamento do spa e depois num café da manhã no delicioso restaurante com vista pro mar – e subir o drone pra clicar a vista de 360 graus do cenário de cima.

onde-ficar-em-tulum

Azulik

Se o Azulik é o hotel mais cobiçado de Tulum, que transborda o conceito rústico-chique em sua arquitetura surreal de hotel de selva luxuoso, seu restaurante, sua loja e seus ambientes são os musts da fotogenia no destino. Para acessar as disputadas redes, onde todo mundo se joga pra assistir ao pôr do sol, é necessário fazer uma reserva no Kin Toh, o famoso restaurante com ninhos do hotel, que propõe mix da comida maia e mexicana através de experiências sensoriais – é pra ser a melhor refeição da viagem.

azulik-tulum

Ruínas de Tulum

Rara cidade maia construída à beira-mar, protegida por muralhas. Hoje você percorre caminhos de areia com iguanas correndo aos seus pés entre várias ruínas, com a água turquesa gritando ao fundo. O Castillo, a estrutura principal, tem três pisos e 12 metros de altura – é tradição tomar banho de mar bem em sua frente.

tulum-sitio-arqueologico

Follow that dream

O que poderia ser melhor do que uma placa de sinalização de rua instalada no paraíso caribenho de Tulum te incentivando a seguir os seus sonhos? Alugue uma bike, programa de praxe no destino, se aventure pelas lojinhas, quiosques e restaurantes, galerias de arte e instalações ao longo da via principal da Zona Hotelera e não deixe de fazer cliques em frente à famosa placa Follow that dream ao lado da graciosa boutique Lolita & Lolita em frente ao Sueños Tulum.

Playa Paraiso

Tulum é um destino incrível de praia, mas o melhor de se viver ali não é, especificamente, a praia – e sim as instalações incríveis que funcionam em função dela. Mas claro que também dá pra tirar um dia totalmente off por lá pra fazer nada jogado na areia e curtindo o mar da praia mais famosa de Tulum, a Playa Paraiso, distante da Zona Hotelera e no caminho para as ruínas de Tulum. Um spot famoso ali para os cliques é a crooked palm tree, um coqueiro torto onde dá pra subir no tronco pra fotografar.

onde-ficar-em-tulum

Holistika Tulum

A localização distante da areia, no não tão glamoroso Pueblo de Tulum, é quase uma vantagem pra quem quer estar rodeado de verde, neste santuário escondido na selva maia. O espaço de retiros e rituais espirituais com uma ampla programação de atividades de práticas meditativas e de yoga às aulas de dança contemporânea tem redes e salas de relaxamento espalhadas pela propriedade de 18 hectares. O cenário ainda é digno de fotos mil: a superpiscina em frente aos quartos, marcados por um fotogênico piso azul, é enfeitada por gazebos e palmeiras.

holistika-tulum

Nômade Tulum

Se quiser escolher um só beach club em Tulum, que seja o do hotel Nômade, quase ao final da Zona Hotelera. A comida e a bebida são divinas (o restaurante de praia La Popular é inspirado nos mercados de peixe dos pueblos mexicanos onde valores como a pesca artesanal, os produtos locais e ecológicos e a sustentabilidade dos frutos do mar estão em alta), mas quase melhor ainda é o ambiente à beira-mar com mesas baixas em cima de tapetes pra comer sentado no chão de frente pro mar e pra decoração beach-boho do hotel que promove o bem-estar e nada mais. A rede em triângulo é o must para as fotos.

hotel-nomade-tulum-mexico

Raw Love

Se a pedida forem as fotos de smoothies, iogurtes, bolos e as comidinhas mais coloridas, o Raw Love é a solução. Escondido entre a selva e a praia sob a sombra das palmeiras no hotel Ahau Tulum, o quiosque fofo com redes pra deitar tem outro pró: é uma ótima experiência para experimentar a culinária raw, em que os alimentos, além de não levarem nenhuma proteína animal ou farinhas, são servidos no seu estado mais puro e primitivo: crus. E são uma delícia. Veja mais opções de restaurantes em Tulum aqui.

Casa Malca

A uma vez propriedade de Pablo Escobar é hoje um hotel-boutique da coleção Design Hotels de 41 quartos que mais parece uma galeria de arte – sua renovação se deu pelas mãos de Lio Malca, um colecionador de arte nova-iorquino pronto pra impressionar. Indo além da atmosfera tropical, os quartos têm chão de cimento queimado, cortinas de veludo brilhantes e achados de arte contemporânea da coleção do próprio Lio. A entrada da recepção marcada por poltronas transformadas em balanços erguidos desde um tronco no alto é um dos pontos mais Instagramáveis de Tulum. Onde ficar em Tulum: veja mais opções de estadias aqui!

casamalcahoteltulum

Cenote Calavera

O poço azul fotogênico do pequenino Cenote Calavera caiu no gosto do Instagram. O lugar nem é, por si só, tão incrível, mas as fotos que se pode fazer ali, no balanço improvisado, com certeza valem a visita. Ele fica pertinho de Tulum (dá pra ir de bike), na estrada para Coba. Quem tem fobia de morcegos, contudo, deve ficar atento: a caverna é o refúgio deles: não é incomum vê-los voando ao seu redor durante a visita.

LUGARES INSTAGRAMÁVEIS DE TULUM: recomenda mais algum spot pra lista? Conta pra gente aqui nos comentários!

Anna Laura

Jornalista por formação e fotógrafa por vocação, a editora do Carpe Mundi registra o mundo com sua Nikon desde que se entende por gente - e hoje cultiva um feed milimetricamente pensado. Passou pelas redações da CARAS Online e da Viagem e Turismo e, depois de uma temporada em Paris, resolveu ser viajante full time: você pode encontrá-la por aí, cobrindo paraísos tropicais.

Deixe seu comentário

voltar ao topo