cliques


As melhores câmeras pra viajar: uma seleção de modelos de várias categorias

Se você quer ir além das fotos de celular pra registrar suas viagens, veja aqui uma seleção para encontrar sua câmera para viajar perfeita.

LEIA TAMBÉM: 15 acessórios de viagem que você precisa ter
Como tirar boas fotos de si mesmo viajando sozinho
Como cultivar um feed incrível no Instagram

Se você ama fotografia que nem a gente, provavelmente também não fica satisfeito só com fotos de celular durante suas viagens. Além de proporcionar mais qualidade,  ter uma câmera à mão faz com que você tire fotos mais pensadas. Com o celular a gente acaba apontando pra qualquer lugar e tirando fotos de qualquer jeito; com um equipamento melhor a gente tende a levar mais a sério e assim acaba com registros de viagem mais legais.

Pra quem só tira fotos por hobby, o peso da câmera para viajar é um dos fatores que mais influencia na hora da compra: sair por aí com um trambolho pesado é cansativo e muitas vezes faz você ter preguiça de tirá-lo da bolsa (ou até do quarto do hotel). Então fiz aqui uma seleção de modelos compactos e algumas DSLR e mirrorless que valem a pena. Escolhi câmeras um pouco mais caras (e consequentemente melhores), no geral, mas é que a gente já tem câmeras tão boas no celular que se for pra comprar uma de verdade é melhor investir logo numa top. Comprar no exterior ainda é a melhor solução pra encontrar bons preços. Procurar equipamentos usados por aqui também pode ser uma boa – pra quem mora em São Paulo a famosa Rua Sete de Abril tem uma porção de lojas.

CÂMERA PARA VIAJAR: O QUE LEVAR EM CONTA

– As mirrorless (do inglês, sem espelho) são câmeras com lentes intercambiáveis, mas sem espelhos em sua parte mecânica. Elas têm os mesmos recursos e muitas vezes o mesmo tamanho de sensor das DSLR, só que com o corpo bem mais compacto, ou seja, excelentes pra viajar. E o melhor é que elas têm uma variedade de preços pra todos os bolsos.

– Máquinas com wi-fi embutido permitem que você compartilhe ou edite suas fotos online (e no celular) sem a necessidade do computador. Se a sua não tem e você não está planejando trocar tão cedo, dê uma olhada nos cartões de memória com wi-fi, como o Eye-Fi, que faz o mesmo serviço.

Ação e choque: Quem mergulha, surfa, faz trilhas, etc, clica melhor e sem medo com uma câmera para viajar à prova d’água e resistente, como a GoPro.

Câmera para viajar: uma seleção de modelos

Go-pro-Hero5-Black

GoPro Hero5 Black (US$ 399)

GoPros são boas pra fotografar e filmar trilhas, mergulhos, surfe, praias, montanhas. E esse novo modelo Hero5 é tudo, porque finalmente não tem mais que ficar pondo e tirando do case como nos modelos anteriores; a câmera já é à prova d’água por si só (por mergulhar até 10 metros). Outras novidades são o estabilizador de imagem para filmar, o modo “night” que ajuda em ambientes com pouca luz e os quatro modos pra fotografar que simulam diferentes lentes wide, linear, medium e narrow. Eu não gostava muito daquelas fotos grande angulares, então ter mais opções melhora muito o uso da câmera. Peso: 117 gramas

Polaroid Snap Touch Instant Digital Camera

Polaroid Snap Touch Instant Print Digital Camera (US$ 179,90)

Se você curte fotos impressas, essa câmera combina o melhor dos mundos: ela imprime aquelas fotos polaroid fofas em minutos e também tem telinha LED, grava vídeos em full HD e arquiva as fotos em arquivos como qualquer outra câmera digital. Divertidíssima pra viajar. Peso: 357 gramas

Panasonic Lumix DMC-ZS50, câmeras pra viajar

Panasonic Lumix DMC-ZS50 (US$ 339)

Tem uma relação preço/qualidade incrível, zoom gigante 30x e wi-fi. Pequena, leve e prática, é uma das melhores câmeras compactas do mercado. A lente 30x zoom é equivalente a 24-720 mm. Peso: 243 gramas

Sony-RX100-V

Sony RX100 V (US$ 998)

Câmera compacta premium, tem um processador rápido, wi-fi, um autofocus excelente e ainda filma em 4K e em slow motion. Críticos chamam de uma das melhores câmeras pra viajar porque tem atributos incríveis num corpo muito pequeno. Peso: 299 gramas

sony a6000, câmeras pra viajar

Sony A6000 (US$ 548)

Mirroless, com sensor similar aos das DSLR. Tem wi-fi, autofocus bem rápido, bateria durável. Uma das preferidas de críticos e fotógrafos nessa faixa de preço. Peso: 468 g

nikon j5

Nikon 1 J5 (US$ 496)

Uma Nikon pequena com sensor similar às melhores DSLR’s do mercado, usada inclusive como segunda máquina por fotógrafos profissionais. Tela touch screen que gira 180º, wi-fi, processador rápido, ISO até 12 800, filmes time lapse. A lente 3x zoom 10-30 mm equivale a uma 27-81 mm. Peso (com a lente): 350 gramas

canon rebel sl1, câmeras pra viajar

Canon Rebel SL1 (US$ 499 com lente 18-55mm)

É uma possível solução pra quem acha a maioria das DSLR muito pesadas. Uma das mais leves e menores do mercado, tem sensor APS-C, touch screen, vídeo em full HD. Funciona quase tão bem quanto a Rebel T5i só que num corpo compacto. E ainda tem lentes intercâmbiáveis, claro, nada impede que você troque a simplona 18-55mm do kit por uma melhor. Peso (só o corpo): 369 gramas

Nikon-5500

Nikon 5500 (US$ 559 com lente 18-55mm)

Bastante superior à câmera de entrada DSLR da Nikon (série D3000) sem subir muito de preço, ela tem LCD touch screen que vira para fora, wi-fi, processador rápido e um corpo robusto porém leve e compacto. Também filma em HD e tem um excelente autofocus. Peso (só o corpo): 420 gramas

Sony-Alpha-A7

Sony Alpha A7 (US$ 1198 com lente 28-70mm)

Usada por profissionais, é uma mirroless maravilhosa com sensor full-frame, comparável a Canon 6D e a Nikon D610, mas pesando consideravelmente menos. O único problema de investir nela é que as lentes da Sony são caras. Peso (só o corpo): 415 gramas

O que a gente usa aqui no blog:

canon-70D

Canon 70D (US$ 1099 com lente 18-135mm)

Minha câmera (@betina.neves), um meio termo (de preço e qualidade) entre a linha full-frame e a Rebel, mais simples. Muito boa também pra filmar, tem LCD giratório e touch screen, além de wi-fi. Peso (só o corpo): 675 gramas.

nikon-d-610

Nikon D610 (US$ 1996 com lente 24-85mm)

É a câmera da @anna.laura, DSLR de entrada para o mundo full-frame e com o melhor custo-benefício de uma máquina profissional da marca. Tem 39 pontos de foco, um dos melhores sensores do mercado, excelente auto white balance e continuous shooting silencioso. Conta com wi-fi. Peso (só o corpo): 850 gramas.

A autora

Betina Neves

Betina Neves

Editora do Carpe Mundi, viaja pra trabalhar e trabalha pra viajar. É jornalista freelancer e já escreveu pra Viagem e Turismo, ELLE, Claudia, Vamos LATAM, Superinteressante, Cosmopolitan, VEJA São Paulo, Folha de S. Paulo, entre outras publicações.


Instagram

Há 11 comentários para “As melhores câmeras pra viajar: uma seleção de modelos de várias categorias

  1. Boa noite, sou fotografo amador e adoro viajar. Gostaria de saber se conhece uma camera dessas compactas, porem que tenha controle manual de algumas funcoes como velocidade do obturador, e que seja também a prova dagua. Adorei o artigo

  2. Olá! Muito bom dia.

    Tenho uma dúvida… faz diferença?… e qual câmera seria melhor para levar para lugares com neve?
    Não para esquiar nem nada, mas lugares nevando e um pouco escuro por isso.

    Mega obrigada

    1. Oi Lais! Não tem uma câmera específica pra lugares com neve, aí seria mais uma questão de composição e horário pra tirar as fotos. E também usar o balanço de branco e exposição a seu favor. Go Pro pode ser interessante por ser a prova d’água.

  3. Ola Lais matéria bacana !
    Por aqui já tive algumas dessas.
    Mas agora viajando com filhos menos tralha melhor .
    Como não abri mão de revelar fotos queria uma dica .
    Mais leve que tiver, que não trema aos movimentos, básica não quero mexer em nada e melhor que celular top rs

    Existe ???

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *