seguro viagem


18 dúvidas sobre seguro de viagem resolvidas: tudo o que você precisa saber

Seguro viagem internacional: tudo o que você precisa saber em 18 dúvidas comuns respondidas.

COTE SEU SEGURO ONLINE AGORA

5% de desconto com o código CARPEMUNDI5

LEIA TAMBÉM: 5 razões pra não viajar sem seguro viagem
Como ter internet no celular no exterior
9 erros que você comete nos seus roteiros de viagem

viagem-saudavel

Por que eu preciso de seguro de viagem?

Basicamente porque se qualquer coisa acontecer com você no exterior, você pode pagar uma nota para resolver – em países como os Estados Unidos, acabar com as economias de uma vida ou ter que vender seu carro para pagar (é sério). E, pelo preço dos seguros (a partir de R$ 55 para uma semana na Europa), vale muito a pena ter essa tranquilidade para não passar perrengue. Eles ainda vêm com uns extrinhas, tipo seguro caso sua mala seja extraviada.

Em que países ele é obrigatório?

Só na Europa, nos 26 países que fazem parte do Tratado de Schengen, que estabelece a obrigatoriedade da contratação de um seguro viagem no valor mínimo de € 30 000 para todos os turistas. O objetivo dessa regra é que o visitante possa garantir que terá uma forma de pagar por possíveis despesas médicas feitas durante a viagem, inclusive em caso de morte. Os países são Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia, Suíça, Liechtenstein, Chipre. Países que NÃO fazem parte: Reino Unido, Irlanda, Croácia, Romênia e Bulgária. Normalmente eles não pedem um comprovante no aeroporto.

Onde eu posso comprar seguro viagem internacional?

O site Seguros Promo, que a gente usa e recomenda aqui no blog, cota o seguro viagem com várias empresas diferentes para você encontrar o mais barato/útil para você. Além disso, usando o código CARPEMUNDI5, você tem 5% de desconto na compra. Ele abrange as principais empresas de seguro viagem internacional (Travel Ace, Assistcard, GTA, Affinity, April Coris, entre outras) e tem um atendimento bastante atencioso.

O que o seguro viagem internacional cobre?

Vai estar tudo explicado na apólice – leia antes de comprar. O mais básico inclui normalmente despesas médicas hospitalares, assistência médica por enfermidade pré-existente, assistência odontológica (mas é pouquinho), assistência para gastos na farmácia, assistência para localização de bagagem, seguro de bagagem extraviada, seguro em caso do cancelamento da viagem (apenas para o caso de morte de parente de primeiro grau ou caso você seja internado até 48 horas antes de viagem) e uns US$ 200 para atraso de bagagem.

E o que ele NÃO cobre?

A maioria das seguradoras não cobre os seguintes eventos:

  • Roubo e furto;
  • Despesas médicas com tratamentos, fisioterapia e medicamentos que não tenha sido prescrito pelo médico e que não seja consequência de algum acidente ou imprevisto que aconteceu durante a viagem;
  • Danos à bagagem, como violação ou extravio de objetos;
  • Custos com tratamento de doenças epidêmicas, pandêmicas ou endêmicas;
  • Continuação de tratamentos médicos após o período da viagem;
  • Bens de uso pessoal como dinheiro, documentos, jóias e aparelhos eletrônicos;
  • Tratamentos psiquiátricos;
  • Destinos em situação de guerra ou rebelião;
  • Imprevistos resultantes de fenômenos da natureza, tais como: inundações, terremotos, erupções vulcânicas, ciclones, furacões, maremotos, queda de meteoritos, etc; – nesse caso, ele só cobre se você tiver que CANCELAR a viagem por causa disso. Se você quebrar a perna por causa de um terremoto, não está coberto.

Vou praticar esportes tipo esqui, trekking e surfe. O seguro viagem internacional cobre?

Na maioria das vezes, não. Se você vai praticar algum esporte de aventura, não entre nos sites e compre direto, LIGUE OU MANDE UM EMAIL antes na seguradora para ter certeza de que estará coberto – e depois cheque a cobertura na apólice. Uma das melhores opções pra esse tipo de viagem é o seguro All Sports da GTA.

Se eu tiver um acidente de carro ou moto estou coberto?

O seguro cobre toda situação que coloque o viajante em estado de urgência ou emergência médica, desde que ele esteja há uma distância mínima de 100 km da sua residência. Em caso de acidentes de carro ou moto, o seguro cobre apenas despesas médicas que você tenha, e não eventuais despesas com o carro ou moto. Cuidado que eles podem analisar a situação: se você estava embriagado, andando acima da velocidade ou sem capacete (no caso da moto), a cobertura não vale.

Vou viajar por vários países, meu seguro vai me dar cobertura?

Sim. Ao optar pelo seguro viagem internacional, você estará assegurado em qualquer lugar do mundo (mesmo que você tenha indicado só um continente na hora que comprou).

Posso usar o seguro do meu cartão de crédito?

Se você comprou sua passagem aérea com cartões de crédito mais top, como Visa Platinum ou Infinite e Master Platinum ou Black, você está coberto pelo seguro, assim como seu cônjuge e dependentes. Para emitir a apólice, entre no site da Mastercard ou ligue no 0800-725-2025. Para Visa, entre no site ou ligue no 0800-891-3679. Veja se você tem pelo menos US$ 30 000 ou € 30 000, o mínimo ideal.

Qual a diferença do seguro do cartão para o seguro viagem da seguradora?

A principal diferença é que o seguro dos cartões de crédito trabalha majoritariamente com o serviço de reembolso, ou seja, caso você precise de atendimento no exterior, irá precisar desembolsar o dinheiro que tiver para pagar pelas despesas médicas. Já as seguradoras trabalham com uma rede conveniada e caso você precise, basta acionar a seguradora e eles irão te indicar a rede de atendimento mais próxima (sem você ter que pagar nada).

Quanto tempo de antecedência preciso contratar o seguro viagem?

O seguro pode ser contratado até no dia do seu embarque para o destino. Recomendamos apenas que compre o seguro depois de já ter as datas da viagem definida, ou até mesmo junto com a passagem aérea para não correr o risco de se esquecer.

É possível adquirir um seguro depois que eu já viajei?

Sim, mas é um perrengue, porque nesses casos as seguradoras normalmente pedem um período de 72 horas pra começar a valer para evitar fraudes (tipo não rola você se machucar e só aí acionar o seguro). Nesse caso, não entre no site e compre direto, mande um email para a empresa e explique a solicitação. É preciso que você goze de saúde no dia da contratação e preencha e assine uma DPS (Declaração Pessoal de Saúde).

É possível estender minha apólice durante a viagem?

Sim, mas, de novo, não entre no site e compre direto. Mande um email para a seguradora solicitando a extensão do seu seguro. Algumas podem solicitar o preenchimento da DPS (Declaração Pessoal de Saúde) e levar em conta as assistências que foram utilizadas pelo segurado até o momento. É importante que a solicitação seja feita em até 48 horas antes da data do vencimento da apólice.

Caso precise de atendimento médico no exterior, como aciono o meu seguro?

Assim que finalizar a compra do seguro, você receberá uma apólice em seu email. Nela estão listadas todas as coberturas do seguro contratado e os telefones caso você precise de atendimento de acordo com sua localidade. Algumas seguradoras (tipo a Travel Ace) dispõem de aplicativos através dos quais você pode solicitar atendimento. Se algo acontecer, ligue ANTES DE IR PRA QUALQUER HOSPITAL para a seguradora pra saber qual a rede conveniada.

Caso eu não consiga contatar a seguradora e pague as despesas, serei reembolsado?

Sim, o reembolso é feito mediante a apresentação das notas fiscais originais e comprovantes do atendimento quando retornar ao Brasil, junto a outro documentos pessoais solicitados pela seguradora.

Estou lendo minha apólice e não entendi: qual a diferença entre seguro bagagem complementar e suplementar?

O seguro de bagagem complementar – como o próprio nome diz –, completa a indenização paga pela companhia aérea até o valor estabelecido na apólice, ou seja, se o valor para extravio de bagagem descrito na apólice é de R$ 500 e a companhia aérea paga R$ 200, você receberá do seguro um valor de R$300 de indenização. Já com o seguro suplementar você terá direito a receber além do valor pago pela companhia, o valor estabelecido na apólice. Exemplo: sua apólice tem o valor de R$ 500 para extravio bagagem e a companhia aérea te paga R$ 200 de indenização. Nesse caso você irá receber os R$ 500 da seguradora + os R$ 200 da companhia aérea.

Existe diferença para seguro viagem internacional para idosos e crianças?

A maioria das seguradoras acrescem 50% nos valores das apólices para quem tem mais de 70 anos.  Crianças podem ter descontos de até 50%, cheque antes de comprar.

Como funciona o seguro viagem internacional em navios de cruzeiro?

Nesse caso os seguros são feito através de reembolso, uma vez que dentro do navio não existe uma rede de hospitais credenciados, somente médico disponível.

No caso de extravio de bagagem, quando devo acionar o seguro?

É preciso ter em mãos um comprovante de extravio emitido pela companhia aérea para solicitar a assistência. No caso do seguro de bagagem complementar será necessário esperar que a companhia pague a indenização primeiro para depois receber o valor restante através do seguro. Já o seguro suplementar independe da indenização da companhia e será pago assim que o extravio for comprovado.

COTE SEU SEGURO COM A SEGUROS PROMO E TENHA 5% DE DESCONTO COM O CÓDIGO CARPEMUNDI5

A autora

Betina Neves

Betina Neves

Editora do Carpe Mundi, viaja pra trabalhar e trabalha pra viajar. É jornalista freelancer e já escreveu pra Viagem e Turismo, ELLE, Claudia, Vamos LATAM, Superinteressante, Cosmopolitan, VEJA São Paulo, Folha de S. Paulo, entre outras publicações.


Instagram

Há 3 comentários para “18 dúvidas sobre seguro de viagem resolvidas: tudo o que você precisa saber

  1. Olá, gostaria de saber em relação ao Seguro viagem pra gestante. Comprei minha passagem com o cartão American Express e eles disseram q eu estaria automaticamente com o seguro viagem. Porém na época q comprei a passagem eu não estava grávida. Descobri mês passado e quero saber se tenho q pagar um valor a mais ou vou poder usufruir mesmo assim do seguro.
    Obrigada pela atenção!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *