O Aeroporto de Guarulhos é o maior aeroporto do Brasil e da América Latina:

a maioria dos voos internacionais do país parte ou chega por ele, por onde circulam 42 milhões de passageiros entre seus três terminais anualmente.

Ou seja, pelo tamanho, movimentação e enorme oferta de serviços do aeroporto, vale aprender alguns macetes de como se dar bem ao planejar sua viagem partindo dali. Veja 9 dicas que irão facilitar seu percurso de viagem pelo Aeroporto de Guarulhos, desde fazer check-in antecipado e o melhor horário pra sair de casa até onde parar o carro economizando, a fila mais rápida do raio-x e como usufruir das salas VIP.

LEIA MAIS: Checklist de viagem: 14 coisas para fazer antes de sair de casa

Atraso de voo, cancelamento, overbooking e problemas com a bagagem

54 dicas pra viajar com pouco dinheiro: a lista definitiva

DICAS DO AEROPORTO DE GUARULHOS

1 – Faça check-in antecipado (online ou nos totens de autoatendimento)

Porque 1) não há porque entrar numa fila extra, a fila do check-in, quando você pode resolver o assunto do conforto do seu celular ou dos ágeis totens de autoatendimento no próprio aeroporto, em frente aos balcões das companhias aéreas, e 2) despachar bagagem (quando não está inclusa na sua tarifa) custa a metade do preço quando feita online ou dos totens. Viva a praticidade e a economia eficiente, fácil e rápida.

gru-airport

DICAS DO AEROPORTO DE GUARULHOS

2 – Planeje-se para chegar ao aeroporto com 2 horas de antecedência para voos nacionais e 3 horas para voos internacionais

E drible o trânsito de São Paulo saindo de casa com 1h de folga NO MÍNIMO do horário que você precisa chegar no aeroporto (ao menos que você seja literalmente vizinho do espaço, porque ninguém merece ser surpreendido com a Marginal parada). Ou seja: para voos nacionais você deve sair de casa 3 horas antes do horário do voo e para voos internacionais, com 5 horas de antecedência. Imprevistos SEMPRE podem acontecer e o bem e velho planejamento nunca é demais nas viagens de avião.

DICAS DO AEROPORTO DE GUARULHOS

3 – Se for de carro, deixe o veículo num bom estacionamento próximo ao aeroporto e economize na diária

estacionamento-aeroporto-guarulhos

Muita gente não sabe, mas parar o carro no próprio estacionamento do aeroporto não é sempre a melhor escolha. Isso porque você gasta fortunas e não tem garantias de proteção ao veículo, que no T2, por exemplo, fica desprotegido de sol e chuva na maior parte das vagas. Optando por um estacionamento próximo de qualidade como o BR Parking, a economia chega a mais de R$ 100 numa viagem de uma semana, há rondas a cada hora conferindo os carros e edifício-garagem pra todo mundo. É o estacionamento externo mais próximo do aeroporto (são de 5 a 7 minutos até lá) e há transfers disponíveis a todo instante, assim que você desce do carro, 24 horas por dia. Além disso, o viajante conta com as comodidades de não precisar baixar as malas do carro e andar com elas pra cá e pra lá (os funcionários ajudam com a bagagem), banheiro mais limpinho que o do aeroporto e Wi-Fi potente pra baixar o que precisar antes do voo.

DICAS DO AEROPORTO DE GUARULHOS

4 – Proteja e ponha um identificador na sua bagagem antes de despachá-la

Se viajar com uma mala de mão até 10 quilos, seja prático e leve a bagagem com você na cabine. Se for despachar, vale protegê-la contra eventuais arranhões e machucados causados pelo manuseio NADA carinhoso dos funcionários do aeroporto. Na Protec Bag, por exemplo, as malas são envolvidas em plástico polietileno, trazendo proteção contra umidade, marcas e graxa e outros agentes que podem danificá-la por R$ 65, evitando também eventuais furtos de objetos. Há quiosques e lojas em todos os terminais do aeroporto. Em tempo: quem para o carro no BR Parking, o estacionamento do item anterior, pode embalar a mala ali pagando 40% a menos que nos quiosques do aeroporto.

DICAS DO AEROPORTO DE GUARULHOS

5 – Pontue milhas nos programas de fidelidade das companhias aéreas

Porque quando você viaja sem creditar suas milhas, você está praticamente rasgando o seu dinheiro. Caso esqueça seu número de cadastro, lembre-se de que o CPF já é suficiente para pontuar. E, se você esquecer de fazê-lo no aeroporto, saiba que pode solicitar a pontuação até 14 dias depois da data do último voo, pelo telefone ou site da companhia – e não deixe de conferir se suas milhas foram devidamente creditadas.

DICAS DO AEROPORTO DE GUARULHOS

6 – Não seja um turista no raio-x (e ganhe tempo pegando a fila da esquerda)

Não tem nada mais irritante para os viajantes corriqueiros do que quem demora horas no raio-x e passa pela máquina totalmente despreparado, sem tirar o computador da mochila, cheio de moedas nos bolsos e com sapatos que, sim, irão apitar. Portanto, fica a dica: esvazie os bolsos, tire o casaco, não viaje com líquidos acima de 100ml (incluindo garrafinha de água), separe o seu laptop numa bandeja separada e prefira os sapatos fáceis de calçar (caso você precise tirá-los pra passar pelo controle). E, se você é um passageiro frequente e ainda não sabia dessa dica, vai aqui: a fila da esquerda sempre anda mais rápido. Estudos sugerem que, uma vez que a maioria das pessoas é destra, logo elas instintivamente escolhem as filas da direita. De agora em diante, ganhe tempo no raio-x indo para a esquerda.

DICAS DO AEROPORTO DE GUARULHOS

7 – Faça uma visita à livraria, à farmácia e à FOM

Abasteça sua malinha de mão com suas revistas preferidas e lançamentos de livros se for enfrentar voos longos, além de uma caneta pra preencher formulários de imigração se for viajar ao exterior, adaptador de tomada universal, chicletes, chocolates e guloseimas se der fome – e uma garrafinha de água passando o raio-x. Quem normalmente não consegue dormir no voo vai agradecer às almofadas de pescoço com gomos, que sustenta melhor a cabeça, e à máscara de olhos côncava da FOM – há lojas da marca nos T2 e T3.

DICAS DO AEROPORTO DE GUARULHOS

8 – Aproveite o conforto das salas VIP

Você não precisa de uma passagem na executiva ou na primeira classe para ter acesso às salas VIP dos aeroportos. Passageiros frequentes recebem upgrades de categoria nos programas de fidelidade das cias aéreas que dão direito ao benefício e quando você compra a passagem com um cartão de crédito premium, garante a entrada também. Mas mesmo que não seja o seu caso, ainda dá pra pagar para curtir os espaços. O acesso às salas VIP do American Express Lounge e da Star Alliance Lounge, no T3, saem por US$ 70 por pessoa. O investimento é super válido se tiver muitas horas de espera à vista.

DICAS DO AEROPORTO DE GUARULHOS

9 – Antes do embarque, faça refeições leve

No quesito alimentação, prefira sempre as comidas de digestão mais rápida, que não te deixam pesado, com azia e mal-estar antes de voar. Você pode comprar lanchinhos saudáveis no aeroporto antes do embarque – no T2 há o Desfrutti e suas saladas e pokes vegetarianos e o Mundo Verde e seus snacks lights pra levar e, no T3, o Nagarê Sushie seu cardápio japonês leve. Ou você pode, inclusive, solicitar junto à companhia uma refeição especial até 48 horas antes do voo – hoje em dia, há até opções de pratos veganos disponíveis. Já a cafeína, o açúcar e o álcool em excesso são três coisas para evitar, especialmente se você costuma se sentir mal no avião. Em tempo: se tiver problema com os ouvidos, ter balas e chicletes por perto podem ajudar a desentupi-los.

LEIA MAIS: 10 dicas pra quem tem medo de viajar de avião

Veja ideias (óbvias e nem tanto) de como passar o tempo dentro do avião

Saiba quais são as rotas com mais atrasos e voos cancelados partindo do Brasil

aviao-simpatias-para-viajar

Anna Laura

Jornalista por formação e fotógrafa por vocação, a editora do Carpe Mundi registra o mundo com sua Nikon desde que se entende por gente - e hoje cultiva um feed milimetricamente pensado. Passou pelas redações da CARAS Online e da Viagem e Turismo e, depois de uma temporada em Paris, resolveu ser viajante full time: você pode encontrá-la por aí, cobrindo paraísos tropicais.

Deixe seu comentário

voltar ao topo