Julho é mês de altíssima temporada na Europa, logo, o turismo infla e os preços sobem. Ainda sim, alguns destinos se salvam da superlotação.

LEIA MAIS: Seguro de viagem para a Europa: veja onde é obrigatório e como comprar

O melhor é descer rumo ao litoral – faz muito calor e ficar batendo perna pelas capitais europeias não é a coisa mais agradável do mundo – e buscar lugares de praia fora do óbvio, por onde as excursões turísticas não vão passar.

Para onde viajar na Europa em julho: 7 escolhas certeiras de destinos

Costa do Alentejo, em Portugal

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-portugal

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-portugal

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-portugal

Uma boa alternativa aos agitos do Algarve durante o verão europeu é a Costa do Alentejo, no sudoeste de Portugal. Com suas praias semivirgens ladeadas por campos de flores rasteiras, rochedos e aldeias silenciosas de casinhas brancas, a costa alentejana é remota, silvestre e autêntica. Dá pra percorrer o Alentejo litorâneo de carro a partir de Lisboa passando por Comporta, Vila Nova de Milfontes e sua praia vizinha, Malhão. O último ponto de parada pela região é Zambujeira do Mar. Em seguida, se quiser, dá pra continuar a viagem rumo ao  Algarve. Veja aqui o nosso roteiro pela costa do Algarve e do Alentejo. Se preferir se manter longe da multidão de turistas, outra alternativa é subir de volta pra Lisboa passando pelas cidades e vinícolas no interior do Alentejo.

LEIA TAMBÉM: Onde ficar no Alentejo: 20 hotéis a partir de € 60
Guia do Alentejo: as cidades e vinícolas da região mais autêntica de Portugal

Para onde viajar na Europa em julho: 7 escolhas certeiras de destinos

Paros e Zakhyntos, na Grécia

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-grecia

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-grecia

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-grecia

Melhor do que explorar Santorini e Mykonos no burburinho de julho é conhecer uma Grécia mais pacata. Paros tem praias lindas como Glyfa, Lolantonis, Kalogeros, Kolimbitres e Ampelas. Não muito longe dali ficam as lagoas azuis de Antíparos e Koufonisia, acessíveis por passeios de barco. Outro endereço grego que surpreende é Zakhyntos. Seu cartão-postal é a Navagio Beach, uma praia de mar azul (cor sabão em pó!) contornada por imensas falésias, disseminada mundo afora nas fotos do Instagram. Além da faixa de areia icônica, dá pra visitar de barco as pequenas cavernas situadas na encosta do mar, as praias de Marathonisi e Xigia e as piscinas naturais de Porto Limnionas.

Para onde viajar na Europa em julho: 7 escolhas certeiras de destinos

Croácia

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-croacia

destinos-na-europa-para-viajar-em-julho-croacia

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-croacia

Com comida barata, paisagens naturais surpreendentes, ruínas dos tempos romanos e cidades pitorescas banhadas pelo Mar Adriático, a Croácia vem se tornando cada vez mais popular entre os viajantes. Mas ainda dá tempo de conhecer o destino sem muitos turistas, mesmo no mês de julho. O país é pequeno e perfeito pra uma road trip. Algumas das paradas obrigatórias são as muralhas de pedra e ruelas de Dubrovnik, a colorida cidade de Rovinj, a eclética capital Zagreb, Split, cidade-cenário da série Game of Thrones, e o gigantesco o Parque Nacional dos Lagos Plitvice com suas cachoeiras e trilhas que conectam 16 lagos maravilhosos de tons azuis e verdes.

Para onde viajar na Europa em julho: 7 escolhas certeiras de destinos

Menorca e Mallorca, na Espanha

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-espanha

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-espanha

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-espanha

Julho, quando o mar fica mais quente e as chuvas mais raras, é a melhor época pra conhecer as ilhas do arquipélago espanhol das Baleares. Menorca é mais tranquila, com bastante verde e praias mais remotas de um mar azul-turquesa tão límpido que os barcos parecem estar flutuando. Além da beleza natural da Cala Macarella, baía ao sul da ilha, a paisagem de origem vulcânica ao norte de Menorca e sua charmosa Ciutadella também valem a visita. Leia mais sobre o que fazer em Menorca aqui. Mallorca, por outro lado, é maior e mais agitada. O ideal é revezar a sua estadia entre as praias da costa leste e as mais “caribenhas” de Es Trenc , a capital Palma, Torent de Pareis, os mirantes de Formentor e os vilarejos de Deià e Valldemossa. Veja aqui em mais detalhes o que fazer em Mallorca.

LEIA TAMBÉM: Onde ficar em Mallorca: melhores partes da ilha e melhores hotéis
Onde ficar em Menorca, na Espanha: melhores partes da ilha e hotéis

Para onde viajar na Europa em julho: 7 escolhas certeiras de destinos

Montenegro

destinos-na-europa-para-viajar-em-julho-montenegro

destinos-na-europa-para-viajar-em-julho-montenegro

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-montenegro

Montenegro ainda é um país que passa despercebido pelos turistas, mesmo com muito para conhecer nesse pequeno território no sudoeste da Europa à beira do mar Adriático. A atração turística mais famosa é Kotor, vila medieval situada na beira dos fiordes, melhor fotografada 1 300 degraus acima, no ponto mais alto de suas muralhas, de onde se tem a melhor vista do local. Mais adiante fica o povoadinho de Perast, com apenas 400 habitantes e, pasme, 16 igrejas! Adentro do montanhoso país, vale ver o Mosteiro de Ostrog, encaixado num penhasco, e o Parque Nacional de Durmitor.

Para onde viajar na Europa em julho: 7 escolhas certeiras de destinos

Sicília, na Itália

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-italia

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-italia

destinos-na-europa-para-viajar-em-julho-italia

A maior ilha da Itália é um prato cheio pra quem gosta de vilarejos fotogênicos, mar azul, ruínas de civilizações antigas, gastronomia refinada, excelentes vinhos e hospedagem econômica. No roteiro inclua a encantadora cidade de Taormina e seu teatro grego, as ruínas de Siracusa e os templos gregos de Agriento. Além de toda a carga histórica, Sicília guarda preciosos tesouros naturais como as Ilhas Eólias, as praias de Licata, da Torre Salsa e de Calamosche, umas das mais bonitas da região. Quem se interessa por vulcões vai curtir um passeio até o famoso vulcão Etna, um dos mais altos e famosos da Europa, ainda ativo.

Para onde viajar na Europa em julho: 7 escolhas certeiras de destinos

Provence na França

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-frança

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-frança

destinos-para-viajar-na-europa-em-julho-italia-frança

Apesar de ser uma escolha turística comum, a melhor época pra conhecer a região da Provence é entre junho e julho, quando os campos de lavanda estão em plena floração, então vale ir agora. O ideal é começar a viagem em Aix-en-Provence e seguir pelas estradas departamentais rumo ao Plateau de Valensole, um lindo campo de lavandas com árvores e montanhas ao fundo. A viagem continua pelas águas esverdeadas das Gorges du Verdon, onde você poderá se banhar e fugir do calor, e por vilarejos pitorescos no alto das colinas como Roussillon, Gordes e Les-Baux-de-Provence. Aproveite pra conhecê-los sem pressa e fugir da rota turística óbvia. Encerre a viagem em Avignon, onde você poderá visitar o bonito Palais des Papes.

LEIA TAMBÉM: Roteiro pelos vilarejos e campos de lavanda mais bonitos da região da Provence

Giovanna Saba

Você deve conhecê-la de outro endereço, do blog Gigi em Paris, seu diário sobre a vida na capital da França. E, como pode imaginar, aqui no Carpe Mundi produz o melhor conteúdo sobre Paris. Acredita que os macarons ganham um sabor mágico se degustados em um quarto de hotel com vista para a Torre Eiffel.

Deixe seu comentário

voltar ao topo