ARRUMANDO A MALA COM MARIE KONDO

Se preparar para uma viagem pode ser uma verdadeira dor de cabeça, principalmente quando o assunto é arrumar a mala. Muitos deixam pra última hora, levam conteúdo em excesso, não se organizam e, por fim, o resultado é uma viagem pesada, sem conforto e sem praticidade. São diversas as técnicas para uma organização mais eficiente, e algumas delas podem ser retiradas dos livros e série da guru da arrumação, Marie Kondo.

Essa mala te desperta alegria? Uma boa bagagem sempre deve responder positivamente a esta mesma pergunta.

A personal organizer, Marie Kondo, já era conhecida por seus livros de organização lançados anos atrás, como o Isso Me Traz alegria? e A Mágica da Arrumação. Mas o boom na carreira ocorreu em 2019, quando sua série Ordem Na Casa estreou na Netflix. Foram transformações não só em armários, mas na vida financeira, na patrimonial e na de relacionamentos, e é claro que técnicas para arrumar a mala de forma mais efetiva também foram tópicos que não passaram batido.

Arrumando a mala com Marie Kondo

MALA-inverno-europeu

organizadores-de-mala

1. ESCOLHA UMA MALA QUE TE DESPERTA ALEGRIA

Arrumando a mala com Marie Kondo: às vezes, por comodidade e falta de tempo, a mala e sua estrutura são o que menos importa na hora de viajar, mas para Kondo, este passo é um dos mais importantes. Uma bagagem que realmente funciona para o viajante é: durável, leve, e principalmente do tamanho ideal – afinal, não adianta levar a maior mala para uma viagem de final de semana na praia, isso só acarreta em exagero e itens desnecessários. Uma mala leve criará um ambiente propício e calmo para um dia ~ estressante ~ de viagem.

LEIA MAIS: Mala 10 kg: 7 modelos de bagagem de mão pra levar na cabine

As 10 coisas que os viajantes mais esquecem de colocar na mala

2. FAÇA UM PLANEJAMENTO

Com a mala ideal escolhida, o próximo passo é começar a pensar na viagem, e um bom planejamento é um diferencial. Primeiro, confira a previsão do tempo do destino, isso pode ajudar na escolha das peças ideais e assertivas. Aposte em roupas que te deixem confortável, que deem prazer (o lema de Kondo) e acima de tudo, que sejam versáteis para todas as ocasiões. Leve apenas o essencial: não tem nada pior que ir com a mala cheia de coisas desnecessárias, que nunca serão usadas e que ocupam muito espaço na bagagem.

Dica: deixe aproximadamente 10% da sua mala livre para poder trazer souvenirs sem a preocupação de não caber, ou exceder o peso.

3. ORGANIZE-SE

Organização é a palavra-chave do método de Marie Kondo. O ideal é separar todos os itens por categoria: produtos com embalagens com líquido separados, cada par de sapato em um compartimento próprio, e sempre melhorar a organização com nécessaires. Os nichos de mala têm feito sucesso e já foram eleitos pela própria organizer como algo que não vive sem (compre aqui). Os frascos de viagem também vem em bom momento, otimizando o espaço.

Dica: não se esqueça de levar um saquinho para separar as roupas sujas das roupas limpas.

organizadores-de-mala

4. MÉTODO KONMARI

Com as roupas devidamente selecionadas, é importante dobrá-las com a técnica KonMari, que nada mais é que compactar a peça em formato de longos retângulos e distribuir uma ao lado da outra, e não fazendo uma pilha – o mais comum. Dessa forma as roupas ficam mais expostas para visualizar e para tirar algo do lugar faz menos bagunça.

Dica: aquelas peças muito volumosas ou que não podem ser dobradas para não danificar (como as de couro), devem ser alocadas em cima das roupas que já foram dobradas.

metodo-kon-mari

5. RESSIGNIFIQUE O USO DOS GADGETS DE VIAGEM

Arrumando a mala com Marie Kondo: o uso, transporte e necessidade dos utensílios de viagem como carregadores, cabos extras, adaptadores e documentos podem acabar perturbando alguns viajantes, e não necessariamente “despertam alegria”. Apesar disso, eles são necessários para o decorrer da viagem, por isso, pense neles como uma ajuda ou como condutores de alegria, e que sem eles alguns processos seriam muito mais difíceis – imagine hoje em dia viajar sem um celular.

VEJA TAMBÉM: 13 gadgets de viagem até R$ 100 pra facilitar sua vida

Arrumando a mala com Marie Kondo: e você, como faz pra viajar com mais eficiência? Conte pra gente aqui nos comentários!

Pietra Palma

Estudante de jornalismo e aspirante a viajante profissional aqui no Carpe Mundi. Férias, feriados e finais de semana são sempre oportunidades para conhecer uma nova cultura, um novo lugar, um novo espaço. Gosta de colecionar momentos e pedaços desses caminhos através da escrita e acredita que uma boa viagem tem o poder de reanimar a alma.

Deixe seu comentário

voltar ao topo