portugal


Quando o hotel é um destino em si: review do Vila Monte Farm House, no Algarve

A gente pensa em Algarve e vem à mente aquela cena das fotos formada pelo mar com 50 tons de azul batendo em praias de falésias douradas, o que é mesmo incrível. Mas a região mais famosa de Portugal não é só isso.

Rumo ao interior, a paisagem muda, tomada por fazendas com plantações de laranjas, oliveiras e campos com florzinhas silvestres, casinhas caiadas de branco com portas e janelas em azul e telhados cor terra, além de uma relativa calma e tranquilidade que dominam o ambiente.

E é em meio a esse cenário, no vilarejo de Moncarapacho, a 20 minutinhos de carro de Olhão e a 30 minutos de Faro, que fica o VILA MONTE FARM HOUSE, hotel-fazenda da coleção da Design Hotels que reflete perfeitamente esse Algarve mais rural, autêntico, ainda não tão conhecido entre os brasileiros, que cada vez mais vem ganhando espaço no cenário do turismo. É desses estabelecimentos que é quase o destino em si de tanto charme típico, tanto aconchego e tanta sensação de bem-estar, quase não dando vontade de sair dali pra explorar os arredores.

INDO PRO ALGARVE? LEIA NOSSO GUIA PRA MONTAR SEU ROTEIRO AQUI!

piscina-vila-monte-farm-house

E, ao mesmo tempo em que o Vila Monte Farm House tem todo o luxo, o conforto e os serviços de um hotel upscale, faz você se sentir num local amigo, que acolhe como família numa vibe descontraída.

Predomina a paleta de cores branca e azul em seus predinhos clean e arejados com itens de decoração de palha, dispostos entre seus bucólicos jardins que garantem privacidade e tranquilidade na estadia.

VILA MONTE FARM HOUSE

No espaçoso lobby, que mais parece a sala de estar de uma casa de fazenda algarvia chiquetosa, é ao redor de uma lareira convidativa que poltronas com almofadas azuis, mesinhas com luminárias de palha e lenhas cortadas se dispõe. Um bar com dezenas de garrafas de uísques, conhaques e bebidas típicas está à disposição pra você mesmo se servir e preparar seu drink. Tem ainda o delicioso conceito de lobby-market, com uma lojinha cheia de produtos típicos algarvios como azeites, queijos e vinhos sendo vendidos, além de um balcão com frutas frescas colorindo a parede com vidros que dá pra cozinha do restaurante principal.

O destaque do restaurante À Terra é o seu forno à lenha e a sua potente churrasqueira, que assam apetitosos legumes saídos do jardim da propriedade. Os pratos rústicos ainda combinam características finas como o uso de aromáticos temperos e trufas: pense numa pizza de queijo individual toda trufada, exalando sabor, e numa porção de lula frita servida com alho e coentro. Assim costuma ser a culinária por ali.

Já o buffet de café da manhã é servido no restaurante Laranjal, num bonito salão repleto de vime, com os melhores itens da confeitaria regional – sim, você vai se empanturrar de pastel de nata -, frutas frescas, ovos, sucos e tudo aquilo que a gente tem direito quando se hospeda num hotel desse nível. Pra chegar lá, impossível não ficar admirado no caminho com seus exuberantes jardins.

VILA MONTE FARM HOUSE

São quase dez hectares de plantinhas ornamentais, laranjais, oliveiras, hortas e bosques bucólicos. Nessa área estão dispostas as diferentes alas do hotel com suas duas piscinas com espreguiçadeiras, quadra de tênis e academia e spa (mas as massagens também podem ser feita ao ar livre, nos jardins, se você quiser!). Ponto mais que especial pra área da chamada chef’s table, onde rolam espécies de workshops culinários e os hóspedes podem provar pratos na sombra das figueiras.

O Vila Monte é, aliás, nota dez na organização dessas experiências de viagem que traduzem o destino. Dá pra fazer, por exemplo, piqueniques em refúgios verdes cavalgadas pela serra algarvia, almoços especiais na praia, pesca e passeios de barco com degustação de ostras, embarcar numa visita ao mercado de peixes com o chef local, observação de golfinhos e os tours às salinas onde é produzida a flor de sal, originária do Algarve, entre outros. No mais, bikes charmosíssimas com cestinho ficam distribuídas por todo o hotel pra você pegar a qualquer momento e conhecer toda a propriedade pedalando.

LEIA AQUI NOSSO POST COM AS 10 PRAIAS MAIS BONITAS DA REGIÃO DO ALGARVE

Falando agora dos quartos, impossível não citar a atmosfera meio boho, meio beachy-chic, com a mesma paleta de cores dominada pelo azul e o branco presente nas 55 unidades divididas entre 15 categorias que vão de 24 a 93 m² (diárias desde € 135 a € 932; RESERVE AQUI!) e distribuídas entre três alas diferentes. Todas têm itens algavios típicos como chapéus e bolsas de palha no quarto pra usar durante a estadia, além de máquina de café e chaleira elétrica. Pra uma experiência ainda mais diferenciada, o Carpe Mundi indica a Secret Suite (diárias desde € 347), com um jardim privado com espreguiçadeiras, gazebo e sofazinhos, repleto de luz natural num climinha romântico (foto abaixo).

vila-monte-farm-house

Em tempo: o Vila Monte Farm House organiza ainda celebrações de casamento de filme, sendo reconhecido em Portugal como um dos top 3 hotéis com estrutura pra casar, oferecendo uma de suas alas exclusivamente pra realização da festa e estadia dos convidados.

VILA MONTE FARM HOUSE: RESERVE AQUI!

diárias a partir de € 135

*O Carpe Mundi se hospedou no Algarve em parceria com o Vila Monte Farm House e a Design Hotels. O conteúdo deste post é independente e reflete apenas a opinião da autora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *