hungria


As melhores termas de Budapeste: lindas, relaxantes e quentinhas

Termas em Budapeste são tradição desde os tempos romanos, ainda mais depois do ocupação turca no século XVI. A cidade está assentada sobre uma das maiores reservas de águas termais do planeta.

Veja aqui as melhores termas em Budapeste, com dicas pra relaxar na água quentinha durante a visita à capital húngara.

LEIA TAMBÉM: O que fazer e onde comer em Budapeste, bairro a bairro

As melhores termas em Budapeste:

Rudas Thermal Bath

rudas-bath

Funcionando desde 1520, tem uma vibe mais medieval, com sua piscina octogonal rodeada por paredes de pedra. É uma das poucas que ainda permite que se curta algumas das banheiras ~como se veio ao mundo~ (segunda, quarta, quinta a sexta para homens e terças para mulheres, livre para todos nos fins de semana), e funciona de madrugada às sextas e sábados das 22h às 4h. Também há saunas, massagens e esfoliações e um terraço com espreguiçadeiras pra tomar sol. diariamente 6/22h, a partir de 2500 florins ou € 8

Széchenyi Bath

szechenyi-Bath-budapeste

Maior conjunto de termas da cidade, tem 15 banheiras e 3 piscinas com água a até 38 graus. A construção neorrenascentista amarelo-ovo do começo do século XX dentro do City Park é lindamente fotogênica – a área externa fica especialmente cheia de gente no verão, apesar de dar calor ficar na água quente sob o sol. No inverno, você pode nadar com neve em volta. E aos sábados à noite há festas dom DJ (!) e show de luzes coloridas. Também dispõe de saunas e tratamentos de spa. diariamente 6/22h, a partir de 4400 florins ou € 14

Gellért Bath

Gellért-Bath

Minhas termas em Budapeste preferidas, dentro do suntuoso hotel homônimo, à beira do Danúbio, em Buda. Cada sala de piscinas e banheiras (internas e externas) tem uma decoração art nouveau diferente, com mosaicos, arabescos e estátuas coloridas – há até uma piscina de ondas, com aguá a até 40 graus. Os vestiários são bem mais limpos e organizados que os da Széchenyi. Se puder investir, faça uma massagem nas lindas cabanas vintage de madeira. diariamente 6h/20h, a partir de 5100 florins ou € 16

Dicas pra curtir as termas em Budapeste:

Leve toalha (é cobrado aluguel), roupas de banho e chinelos (pra transitar pelos ambientes). Se pretender nadar nas piscinas maiores, leve touca.

– Os ingressos são mais baratos de manhã (até o meio-dia). Normalmente você pode escolher entre o ticket com “locker” (um armário no vestiário) ou uma cabine com espaço privado pra se trocar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *