Melhores restaurantes em Tiradentes: cidade mais gastronômica de Minas, Tiradentes tem boas pedidas culinárias pra preencher mais de uma semana de viagem.

LEIA TAMBÉM: Roteiro infalível pelas Cidades Históricas Mineiras, de Tiradentes a Ouro Preto

Restaurantes em Tiradentes: para um almoço mineiro

ESTALAGEM DO SABOR
Com mais de trinta de anos, fica numa casinha com quintal na frente e uma horta atrás. O pessoal que frequenta parece que vem todo fim de semana, a julgar pela conversação com os donos e as plaquinhas do finado Guia Quatro Rodas na parede, que indicam que ele manteve a qualidade com o passar dos anos. Os pratos são grandes e dão para até três pessoas (se estiver em quatro melhor pedir dois). A receita da casa é o “mané sem jaleco” (que parece pesadão, mas não é): uma espécie de mexido com leva arroz, feijão, couve, bacon, ovos, lombinho, bananas e cebola. O frango com quiabo também é delícia. Rua Min. Gabriel Passos, 280

estalagem-sabor-tiradentes

VIRADAS DO LARGO
Decorado com os pratinhos da Associação da Boa Lembrança, da qual faz parte, o tradicional restaurante da chef Beth Beltrão tem comida da terra caprichada e bem apresentada. A casinha a alguns quarteirões do centro com quintal e horta dá a sensação de estar almoçando na casa da Beth, que circula animada pelo salão. Comece com a porção de pastéis de angu (recheados com carne ou queijo). Como prato principal, o “trem bão” traz carne serenada na manteiga de garrafa com arroz, feijão e mandioca frita. Rua do Moinho, 11

pau-de-angu

PAU DE ANGU
Vários motivos pra parar nesse restaurante no caminho de Tiradentes pra Bichinho. 1) O preço é ótimo e os pratos são enormes, dão pra três pessoas numa boa. 2) Fica no sopé da Serra de São José, com uma vista bonita para as montanhas. 3) O ambiente é rústico, com mesonas externas com bancos, e sempre tem lugar. 4) Um coração enorme para o frango com quiabo (feito com galinha caipira). Estrada para Bichinho, km 3

Restaurantes em Tiradentes: para um jantar caprichado

ORA RESTAURANTE
Das nova adições à cena gastronômica da cidade, o restaurante mineiro de pegada contemporânea é tocado pelo chef Felipe Oliveira, que participou do reality da Globo Mestres do Sabor. O nome é homenagem à folha ora-pro-nóbis, tão essencial para a culinária mineira, que aparece em pratos como a mini lula recheada de linguiça junto ao arroz negro. O salão com predominância de mesas para dois convida para um jantar romântico. R. Min. Gabriel Passos, 131b 

TRAGALUZ
Entre os restaurantes em Tiradentes, é um dos melhores pra jantar, com ambiente à luz de velas, paredes de pedra e madeira de demolição. O cardápio é espirituoso, com desenhos em quadrinhos. Os pratos individuais são carinhos; a melhor pedida é a galinha d’angola com legumes, cogumelos e ravióli de abóbora. O doce de leite da casa é maravilhoso e vem numa cumbuca com um pouquinho de queijo e coco ralado.
Rua Direita, 52

Restaurantes em Tiradentes: para vegetarianos

CULTIVO BISTRÔ VEGETARIANO
Dá para fazer comida mineira sem carne, sim senhor, e esse restaurante é prova disso. Num espaço descolado e politizado que é mix de loja, café e bar, são servidos pratos como croquete de milho com ora-pro-nóbis e o escondidinho de jaca com espinafre e queijo catauá gratinado. Por vezes, há sessões de música ao vivo. Largo do Ó, 13

Restaurantes em Tiradentes: para variar o menu

UAITHAI
Quão improvável é um restaurante tailandês com sotaque mineiro? Em um agradável salão moderninho com jardim, decorado com itens trazidos das viagens do chef Ricardo Martins pelo mundo e com vista linda para a Serra de São José, o lugar serve clássicos da Tailândia como o pad thai com camarões marinados na cachaça. Rua Padre Toledo, 157

CASA AZUL
O nome é uma alusão à casa da Frida Kahlo no México – a decoração colorida e os cactos no quintal também lembram o país. Pra dar um tempo em mineirices da maioria dos restaurantes em Tiradentes, o menu tem quesadillas, tacos com guacamole, crepes, filé ao “mole poblano”, tudo bem feito e preparado na casa. Rua da Cadeia, s/n

Restaurantes em Tiradentes: para comidinhas

MARCAS MINEIRAS
Numa charmosíssima casa com um enorme jardim, o lugar é uma irresistível combinação de loja de artigos mineiros selecionadíssimos (cerâmicas, almofadas, tapetes) e café – peça o famoso bolo de laranja, pãezinhos com geleias ou a broa de milho com goiabada e queijo da canastra. Rua Sra. das Mercês, 49 

Restaurantes em Tiradentes: para doces e queijos

CHICO DOCEIRO
O octogenário Chico está mexendo seu panelão de doce de leite há mais de 50 anos – ou assim parece, quando você o vê nos fundos da loja. O negócio é comprar pra levar os potes de ambrosia e os docinhos que misturam doce de leite com coco, amendoim, ameixa. Rua Francisco Pereira Morais, 74

OURO CANASTRA
A loja gourmet de queijos artesanais mineiros e paulistas tem uma seleção maravilhosa vendida por peso – há produtores da Serra da Canastra, de Carrancas, do Serro, entre outros. Peça para provar com um cafezinho e os doces e geleias também vendidos na casa. Rua Direita, 205 A

Indo a Tiradentes? Veja aqui nosso guia da simpática cidade histórica mineira

5 comentários

Deixe seu comentário

voltar ao topo